Manual MSD

Please confirm that you are a health care professional

honeypot link

Antibióticos em neonatais

Por

Brenda L. Tesini

, MD, University of Rochester School of Medicine and Dentistry

Última modificação do conteúdo jul 2018
Clique aqui para acessar Educação para o paciente
Recursos do assunto

Em recém-nascidos, o líquido extracelular (LEC) constitui até 45% do peso corporal total, o que resulta na necessidade relativa de doses mais altas, em comparação às doses para adultos de certos antibióticos (p. ex., aminoglicosídeos). Nos lactentes prematuros, a baixa concentração de albumina sérica pode reduzir a proteína ligadora dos antibióticos. Os fármacos que desligam a bilirrubina da albumina aumentam o risco de icterícia nuclear (p. ex., sulfonamidas, ceftriaxona).

Nos recém-nascidos, a ausência ou a deficiência de certas enzimas pode prolongar a meia-vida de certos antibióticos e aumentar o risco de toxicidade (p. ex., cloranfenicol). Durante o primeiro mês de vida, mudanças na taxa de filtração glomerular e na secreção tubular renal necessitam de alteração de doses (p. ex., penicilinas, aminoglicosídios, vancomicina).

Tabela
icon

Doses recomendadas de antibióticos parenterais selecionados para recém-nascidos

Intervalos de administração

Antibiótico

Via de administração

Dose individual

Peso corporal ≤ 2000 g

Peso corporal > 2.000 g

Comentários

Idade

Idade

≤ 7 dias

8–28 dias

≤ 7 dias

8–28 dias

Desoxicolato de anfotericina B

IV

1 mg/kg

a cada 24 h

a cada 24 h

a cada 24 h

a cada 24 h

Após a diluição em glicose a 5% ou 10% (soro fisiológico não deve ser utilizado), infusão de uma dose de teste de 0,1 mg/kg (máximo 1 mg) ao longo de 1 h para avaliar a resposta febril e hemodinâmica do paciente;* se não for observado efeito adverso grave, infusão de uma dose terapêutica (em geral, 0,25–1,5 mg/kg ao longo de 2–6 h), que pode ser administrada no mesmo dia que a dose de teste

Após a melhora do paciente, a dose pode ser administrada em dias alternados até completar o tratamento.

É necessário monitorar os níveis de potássio, e função renal e hematológica

Complexo lipídico de anfotericina B

IV

5 mg/kg

a cada 24 h

a cada 24 h

a cada 24 h

a cada 24 h

Anfotericina B lipossomal

IV

5 mg/kg

a cada 24 h

a cada 24 h

a cada 24 h

a cada 24 h

Ampicilina

IV IM

50–75 mg/kg

50 mg/kg a cada 12 h

75 mg/kg a cada 12 h

50 mg/kg a cada 8 h

50 mg/kg a cada 8 h

IV como infusão 15-30 minutos ( 10 mg/kg/min)

Para meningite por estreptococos do grupo B

IV

75–100 mg/kg

100 mg/kg, a cada 8 h

75 mg/kg a cada 6 h

100 mg/kg, a cada 8 h

75 mg/kg a cada 6 h

Azitromicina

IV

10 mg/kg

a cada 24 h

a cada 24 h

a cada 24 h

a cada 24 h

Para pneumonia por clamídia 20 mg/kg a cada 24 h

Aztreonam

IV IM

30 mg/kg

a cada 12 h

a cada 8 h

a cada 8 h

a cada 6 h

Dados limitados

Apenas para bacilos gram-negativos

Cefazolina

IV IM

25 mg/kg

a cada 12 h

a cada 8 h

a cada 12 h

a cada 8 h

Dados limitados

Nenhuma indicação principal; não usar como tratamento inicial da sepse ou da meningite

Cefepima

IV IM

30–50 mg/kg

30 mg/kg a cada 12 h

30 mg/kg a cada 12 h

50 mg/kg a cada 12 h

50 mg/kg a cada 12 h

Pode ser usado para infecções por Pseudomonas aeruginosa (considerar o uso de 50 mg/kg a cada 8 h para P. aeruginosa e outros patógenos gram-negativos graves)

Por vezes, usada na meningite, embora geralmente como fármaco de 2ª linha e nem sempre recomendada

Cefotaxima

IV IM

50 mg/kg

a cada 12 h

a cada 8 h

a cada 12 h

a cada 8 h

Em geral, tratamento de primeira linha para meningite neonatal

Cefoxitina

IV IM

33–35 mg/kg

35 mg/kg, a cada 12 h

33 mg/kg a cada 8 h

33 mg/kg a cada 8 h

33 mg/kg a cada 8 h

Ceftazidima

IV IM

50 mg/kg

a cada 12 h

a cada 8 h

a cada 12 h

a cada 8 h

Tem boa penetração nas meninges inflamadas

70–90% do fármaco é excretado inalterado na urina

Ceftriaxona

IV IM

50 mg/kg

a cada 24 h

a cada 24 h

Dados limitados

Pode causar pseudolitíase biliar e, em prematuros com icterícia, pode aumentar o risco de encefalopatia bilirrubínica via bilirrubina deslocada da albumina

Contraindicado em recém-nascidos que recebem ou nos quais espera-se que recebam infusões de soro fisiológico contendo cálcio

Fármaco de 2ª linha para meningite, após a primeira semana de vida (40–50 mg/kg a cada 12 h ou 80–100 mg/kg a cada 24 h)

Cefuroxima

IV IM

50 mg/kg

a cada 12 h

a cada 8 h

a cada 12 h

a cada 8 h

Cloranfenicol

IV IM

25 mg/kg

a cada 24 h

a cada 12 h

a cada 24 h

a cada 12 h

Ajustar as doses para monitorar os níveis séricos do fármaco e parâmetros hematológicos

Para meningite, o pico desejado no soro = 15–25 μg/mL e o mais baixo = 5–15 μg/mL

Para outras infecções, dose ajustada para atingir o pico desejado de 10–20 μg/mL e o menor nível de 5–10 μg/mL

Grande variabilidade nos níveis e na vida-média, especialmente nos pré-termos

Clindamicina

IV IM

5–9 mg/kg

5 mg/kg a cada 8 h

5 mg/kg a cada 8 h

7 mg/kg a cada 8 h

9 mg/kg a cada 8 h

Para anaeróbios e cocos gram-positivos (não enterococos)

Daptomicina

IV

6 mg/kg

a cada 12 h

a cada 12 h

a cada 12 h

a cada 12 h

Potencial de Neurotoxicidade; use com cuidado se não houver outras opções

Fluconazol

Para o tratamento

IV

12 mg/kg

a cada 24 h

a cada 24 h

a cada 24 h

a cada 24 h

Dose de ataque de 25 mg/kg, seguida 24 h mais tarde pela dose de manutenção listada

Para profilaxia

IV

6 mg/kg

Duas vezes por semana

Duas vezes por semana

Duas vezes por semana

Duas vezes por semana

Linezolida

IV

10 mg/kg

a cada 12 h

a cada 8 h

a cada 8 h

a cada 8 h

Meropeném

Para meningite

IV

40 mg/kg

a cada 12 h

a cada 8 h§

a cada 8 h

a cada 8 h

Para sepse, infecção intra-abdominal§

IV

20–30 mg/kg

20 mg/kg a cada 12 h

20 mg/kg a cada 8 h§

20 mg/kg a cada 8 h

30 mg/kg a cada 8 h

Metronidazol

IV

7,5–10 mg/kg

7,5 mg/kg a cada 12 h

7,5 mg/kg a cada 12 h

7,5 mg/kg a cada 8 h

10 mg/kg a cada 8 h

Dados limitados

Dose de ataque de 15 mg/kg

Nafcilina, oxacilina

Para meningite

IV IM

50 mg/kg

a cada 12 h

a cada 8 h

a cada 8 h

a cada 6 h

Monitorar hemograma e função hepática

A excreção pode diminuir por causa de imaturidade renal e hepática, levando a acúmulo no soro, o que pode trazer efeitos adversos

Para outras doenças

IV IM

25 mg/kg

a cada 12 h

a cada 8 h

a cada 8 h

a cada 6 h

Oxacilina (ver nafcilina, oxacilina)

Penicilina G, benzatina

IM

50.000 unidades/kg

a cada 24 h

a cada 24 h

a cada 24 h

a cada 24 h

Penicilina G, cristalina (aquosa)

Para sífilis congênita, outras indicações

IV

50.000 unidades/kg

a cada 12 h

a cada 8 h

a cada 12 h

a cada 8 h

Para meningite por estreptococos do grupo B

IV

100.000 unidades/kg

a cada 6 h

a cada 6 h

a cada 6 h

a cada 6 h

Penicilina G, procaína

IM

50.000 unidades/kg

a cada 24 h

a cada 24 h

a cada 24 h

a cada 24 h

Atenção: abscesso estéril e toxicidade pela procaína

Piperacilina/tazobactam

IV (dose baseada em componente de piperacilina)

80–100 mg/kg

100 mg/kg, a cada 8 h

80 mg/kg a cada 6 h

80 mg/kg a cada 6 h

80 mg/kg a cada 6 h

Rifampina

IV

10 mg/kg

a cada 24 h

a cada 24 h

a cada 24 h

a cada 24 h

Vancomicina ({blank} Dosagem de vancomicina para neonatos)

Dosagem com base na idade gestacional e creatinina sérica ({blank} Dosagem de vancomicina para neonatos)

*A necessidade de administração de uma dose-teste da anfotericina B é controversa.

Cefazolina não atravessa a barreira hematoencefálica.

Usar a dose para a idade ≤ 7 dias até aos 14 dias de idade se o peso ao nascer é < 1000 g.

§Ajustar a dose após 14 dias de idade em vez de após 7 dias de idade.

Quando a idade pós-menstrual alcança > 30 semanas.

Adaptado de Bradley JS, Nelson JD: Nelson's Pediatric Antimicrobial Therapy, ed. 24. Itasca, American Academy of Pediatrics, 2018.

Tabela
icon

Doses recomendadas de aminoglicosídios selecionados para recém-nascidos

Intervalo de administração

Aminoglicosídio

Via de administração

Dose individual

Gestação < 30 semanas

Gestação 30–34 semanas

Gestação ≥ 35 semanas

Comentários

Idade pós-natal

Idade pós-natal

Idade pós-natal

0–14 dias

> 14 dias

0–10 dias

> 10 dias

0–7 dias

> 7 dias

Amicacina*

IV IM

15–17 mg/kg

15 mg/kg a cada 48 h

15 mg/kg a cada 24 h

15 mg/kg a cada 24 h

15 mg/kg a cada 24 h

15 mg/kg a cada 24 h

17,5 mg/kg a cada 24 h

Necessário monitorar os níveis séricos do fármaco

Nível alvo de pico de 20–35 mg/L ou 10 × CIM; nível mínimo pré-dose < 7 mg/L

Redução da dose exigida na hipofunção renal

Gentamicina*, tobramicina

IV IM

4–5 mg/kg

5 mg/kg, a cada 48 h

5 mg/kg a cada 36 h

5 mg/kg a cada 36 h

5 mg/kg a cada 36 h

4 mg/kg a cada 24 h

5 mg/kg a cada 24 h

Necessário monitorar os níveis séricos do fármaco

Nível alvo de pico de 6–12 mg/L ou 10 × CIM; nível mínimo pré-dose < 2 mg/L

Redução da dose exigida na hipofunção renal

*Obter amostra 30 minutos após 30 minutos de infusão IV.

CIM = concentração inibitória mínima

Adaptado de Bradley JS, Nelson JD: Nelson's Pediatric Antimicrobial Therapy, ed. 24. Itasca, American Academy of Pediatrics, 2018.

Tabela
icon

Dosagem de vancomicina para neonatos

Creatinina sérica (mg/dL)

Dose* (IV)

Intervalo de administração

≤ 28 semanas de gestação

> 28 semanas de gestação

< 0.5

< 0.7

15 mg/kg

a cada 12 h

0,5–0,7

0,7–0,9

20 mg/kg

a cada 24 h

0,8–1

1–1,2

15 mg/kg

a cada 24 h

1,1–1,4

1,3–1,6

10 mg/kg

a cada 24 h

> 1,4

> 1,6

15 mg/kg

a cada 48 h

*A dose é administrada como infusão IV lenta, ao longo de, no mínimo, 60 minutos. Iniciar com uma dose de ataque de 20 mg/kg. Idealmente, ajustar a dose para alcançar AUC:CIM em 24 h de 400 mg • h/L. Se não for possível fazer esse cálculo, monitorar o nível mínimo pré-dose (geralmente, o alvo = 10–12 μg/mL).

AUC = área sob a curva concentração-tempo no plasma; CIM = concentração inibitória mínima

Adaptado de Bradley JS, Nelson JD: Nelson's Pediatric Antimicrobial Therapy, ed. 24. Itasca, American Academy of Pediatrics, 2018.

Tabela
icon

Doses recomendadas de antibióticos orais selecionados para recém-nascidos*

Intervalo de administração

Antibiótico

Dose

Peso corporal ≤ 2.000 g

Peso corporal > 2.000 g

Comentários

Idade pós-natal

Idade pós-natal

≤ 7 dias

8–28 dias

≤ 7 dias

8–28 dias

Amoxicilina (pode ser combinada com clavulanato)

15 mg/kg

a cada 12 h

a cada 12 h

Dados limitados para uso em neonatos < 2000 g

Pode-se usar doses mais altas para infecções graves ou antraz

Usar apenas a suspensão de 125 mg/5 mL se combinada com clavulanato

Azitromicina

10 mg/kg

a cada 24 h

a cada 24 h

a cada 24 h

a cada 24 h

Fármaco preferido para tratamento ou prevenção de coqueluche em neonatos < 1 mês;

Administrar 10 mg/kg, uma vez ao dia por 5 dias

Pode-se usar para tratamento da oftalmia por clamídia, mais comumente 20 mg/kg a cada 24 h por 3 dias

Associado à estenose hipertrófica do piloro idiopática, mas menos comumente do que a eritromicina

Clindamicina

5–9 mg/kg

5 mg/kg a cada 8 h

5 mg/kg a cada 8 h

7 mg/kg a cada 8 h

9 mg/kg a cada 8 h

Dados limitados

Eritromicina

10 mg/kg

a cada 6 h

a cada 6 h

a cada 6 h

a cada 6 h

Para clamídia ou pertussis em neonatos > 1 mês

Fluconazol

Dose de ataque de 25 mg/kg, seguida 24 h mais tarde pela dose de manutenção listada

Durante a 1ª e segunda semanas de vida, pode ser necessário ajustar intervalo da dose a cada 48 h

Para o tratamento

12 mg/kg

a cada 24 h

a cada 24 h

a cada 24 h

a cada 24 h

Para infeções por candidíase secundárias (p. ex., afta), 6 mg/kg no 1º dia e depois 3 mg/kg/dose a cada 24–72 h

Para profilaxia

6 mg/kg

Duas vezes por semana

Duas vezes por semana

Duas vezes por semana

Duas vezes por semana

Flucitosina

25 mg/kg

a cada 8 h

a cada 6 h

a cada 6 h

a cada 6 h

Dados limitados

Usar apenas em associação com anfotericina B para retardar a resistência

Pode ser necessário aumentar o intervalo entre as doses em caso de função renal anormal

Monitorar os níveis recomendados

Concentrações séricas desejadas: pico de 50–100 mg/L, nível mínimo pré-dose de 25–50 mg/L

Linezolida

10 mg/kg

a cada 12 h

a cada 8 h

a cada 8 h

a cada 8 h

Utilizada para infecções gram-positivas resistentes

Metronidazol

7,5–10 mg/kg

7,5 mg/kg a cada 12 h

7,5 mg/kg a cada 12 h

7,5 mg/kg a cada 8 h

10 mg/kg a cada 8 h

Dose de ataque, 15 mg/kg

Dados limitados

Rifampina

10 mg/kg

a cada 24 h

a cada 24 h

a cada 24 h

a cada 24 h

Para o tratamento

Pode-se usar esquemas de dosagem adicionais contra Haemophilus influenzae tipo b e profilaxia da doença meningocócica

*Salvo indicação em contrário, as doses são para neonatos (idade pós-natal ≤ 28 dias).

Usar dose ≤ 7 dias até 14 dias de idade se o peso ao nascer é <1000 g.

Adaptado de Bradley JS, Nelson JD: Nelson's Pediatric Antimicrobial Therapy, ed. 24. Itasca, American Academy of Pediatrics, 2018.

Clique aqui para acessar Educação para o paciente
OBS.: Esta é a versão para profissionais. CONSUMIDORES: Clique aqui para a versão para a família
Profissionais também leram

Também de interesse

Baixe o aplicativo  do Manual MSD! ANDROID iOS
Baixe o aplicativo  do Manual MSD! ANDROID iOS
Baixe o aplicativo  do Manual MSD! ANDROID iOS ANDROID iOS
PRINCIPAIS