Manual MSD

Please confirm that you are a health care professional

honeypot link

Visão geral das doenças pulmonares intersticiais

(Pneumopatias intersticiais difusas)

Por

Joyce Lee

, MD, MAS, University of Colorado Denver

Última modificação do conteúdo set 2019
Clique aqui para acessar Educação para o paciente
Recursos do assunto

As pneumopatias intersticiais são um grupo heterogêneo de doenças caracterizadas por espessamento dos septos alveolares, proliferação fibroblástica, deposição de colágeno e, se o processo permanecer descontrolado, fibrose pulmonar. Pode-se classificar as doenças pulmonares intersticiais de acordo com vários critérios (p. ex., aguda versus crônica, não granulomatosa versus granulomatosa, causa conhecida versus desconhecida, doença pulmonar primária versus. secundária à doença sistêmica, histórico de tabagismo versus histórico de não tabagismo).

Entre as inúmeras causas possíveis estão a maioria das doenças do tecido conjuntivo e exposições pulmonares ocupacionais, além de diversos fármacos (ver tabela Causas da doença pulmonar intersticial). Uma série de doenças intersticiais de etiologia desconhecida tem histologia, características clínicas ou manifestações particulares e, portanto, são consideradas doenças únicas, incluindo

Em até 30% dos pacientes com doenças intersticiais sem nenhuma causa clara, os distúrbios são distinguidos principalmente por características histopatológicas específicas; esses distúrbios são denominados pneumonias intersticiais idiopáticas.

Tabela
icon

Causas da doença pulmonar intersticial

Categoria

Exemplos

Doenças do tecido conjuntivo

Síndrome de Behçet (muito rara)

doença relacionada com a IgG-4

Doença indiferenciada do tecido conjuntivo

Fármacos

Lista selecionada: anfotericina B, bleomicina, bussulfano, carbamazepina, clorambucila, cocaína, ciclofosfamida, difenil-hidantoína, flecainida, heroína, melfalana, metadona, metotrexato, metilfenidato, metisergida, óleo mineral (via microaspiração crônica), nitrofurantoína, nitrosureias, procarbazina, silicone (injeção subcutânea), tocainida, alcaloides da vinca (com mitomicina)

Doenças genéticas

Fibrose pulmonar familiar

Síndrome de Hermansky-PudLak

Microlitíase alveolar pulmonar

Pneumonias intersticiais idiopáticas

Infecções

Infecção parasitária

Infecção micobacteriana

Infecção viral

Exposição ambiental e ocupacional

Inorgânica (selecionada): aluminose (causada pela exposição ao pó de alumínio), asbestose, baritose, doença de berílio, pulmão do trabalhador de carvão, exposição a metais pesados (p. ex., cádmio, cobalto, óxido de titânio, tungstênio, carboneto de vanádio), fibrose por radiação, siderose, silicose, estanhose, pneumoconiose por talco

Orgânica (selecionada): bagaçose, pulmão do criador de pássaros, pulmão do cafeicultor, pulmão do fazendeiro, pulmão dos usuários de banheira de hidromassagem, pulmão dos umidificadores, pulmão do trabalhador de malte, pulmão do descascador da casca do bordo, pulmão do cultivador de cogumelo, pulmão do cultivador de chá (ver Pneumonite por hipersensibilidade)

Vasculite

Doenças diversas

Aspiração crônica

Pneumonia lipoide

Linfoma pulmonar

Clique aqui para acessar Educação para o paciente
OBS.: Esta é a versão para profissionais. CONSUMIDORES: Clique aqui para a versão para a família
Profissionais também leram

Também de interesse

Baixe o aplicativo  do Manual MSD! ANDROID iOS
Baixe o aplicativo  do Manual MSD! ANDROID iOS
Baixe o aplicativo  do Manual MSD! ANDROID iOS ANDROID iOS
PRINCIPAIS