Manual MSD

Please confirm that you are not located inside the Russian Federation

honeypot link

Considerações gerais sobre defeitos congênitos do aparelho digestivo

Por

Jaime Belkind-Gerson

, MD, MSc, University of Colorado

Revisado/Corrigido: ago 2023
VISUALIZAR A VERSÃO PARA PROFISSIONAIS DE SAÚDE

Um defeito congênito Considerações gerais sobre defeitos congênitos Os defeitos congênitos, também chamados anomalias congênitas, são anomalias físicas que ocorrem antes do bebê nascer. Eles costumam ficar evidentes já no primeiro ano de vida. A causa de muitos... leia mais pode ocorrer em qualquer parte do trato digestivo: no esôfago Garganta e esôfago A garganta (faringe) está localizada atrás e abaixo da boca. Quando os alimentos e líquidos saem da boca, eles passam através da garganta. A deglutição de alimentos e líquidos começa voluntariamente... leia mais , estômago Estômago O estômago é um órgão muscular grande, oco, em forma de feijão e formado por quatro partes: Cárdia Fundo Corpo Antro leia mais , intestino delgado Intestino delgado O estômago libera alimentos no duodeno, que é o primeiro segmento do intestino delgado. Os alimentos entram no duodeno através do esfíncter pilórico, em quantidades que o intestino delgado possa... leia mais , intestino grosso Intestino grosso O intestino grosso consiste no Ceco e cólon ascendente (direito) Cólon transverso Cólon descendente (esquerdo) O cólon sigmoide (que é conectado ao reto) leia mais , reto Reto e ânus O reto é uma câmara que começa no fim do intestino grosso, imediatamente após o cólon sigmoide, e que termina no ânus ( Considerações gerais sobre o ânus e o reto). Em geral, o reto permanece... leia mais ou ânus Reto e ânus O reto é uma câmara que começa no fim do intestino grosso, imediatamente após o cólon sigmoide, e que termina no ânus ( Considerações gerais sobre o ânus e o reto). Em geral, o reto permanece... leia mais .

  • Os órgãos digestivos podem estar incompletamente desenvolvidos ou posicionados de maneira anômala, causando bloqueios, ou os músculos ou nervos do aparelho digestivo podem apresentar defeitos.

  • Os sintomas dependem da localização do defeito, mas podem incluir cólicas abdominais, inchaço do abdômen e vômito.

  • O diagnóstico costuma tomar por base o resultado de exames de imagem e de outros exames.

  • A cirurgia é geralmente necessária.

Os defeitos congênitos ao longo do trato digestivo podem incluir:

Em muitos casos, um órgão não se encontra totalmente desenvolvido ou apresenta localização anômala, o que com frequência causa estreitamento ou bloqueio (obstrução). Um bloqueio pode estar presente em quase qualquer parte do aparelho digestivo, inclusive esôfago, intestino, reto ou ânus. Às vezes, um segmento do trato digestivo não se forma ou não se desenvolve normalmente, ou então se forma e depois destruído por um problema que ocorre no útero antes do nascimento. Os músculos internos ou externos que envolvem a cavidade abdominal podem ficar fracos ou apresentar orifícios, como ocorre no caso dos defeitos da parede abdominal e na hérnia diafragmática. Pode também ocorrer uma falha no desenvolvimento dos nervos ligados ao intestino, como ocorre na doença de Hirschsprung.

Sintomas de defeitos congênitos do trato digestivo

Os sintomas dependem de qual é o tipo de defeito congênito e onde ele está localizado. O bebê pode ter cólicas abdominais, inchaço do abdômen e/ou vômito. É possível que ocorram problemas de alimentação e o bebê pode não ganhar peso normalmente. Alguns bebês desenvolvem uma tonalidade amarelada na pele denominada icterícia Icterícia no recém-nascido Icterícia é uma coloração amarela da pele e/ou olhos, causada por um aumento da bilirrubina na corrente sanguínea. A bilirrubina é uma substância amarela formada quando a hemoglobina (a parte... leia mais Icterícia no recém-nascido .

Diagnóstico de defeitos congênitos do trato digestivo

  • Exames de imagem (radiografia e ultrassonografia)

Outros tipos possíveis de exames incluem exames de sangue e biópsias. Durante uma biópsia, uma amostra de tecido é removida para exame sob o microscópio.

Outros exames, como testes genéticos, podem ser realizados dependendo dos resultados dos exames e dos sintomas.

Tratamento de defeitos congênitos do trato digestivo

  • Cirurgia

A maioria dos defeitos do aparelho digestivo exige cirurgia. Os bloqueios costumam ser abertos por meio de cirurgia. Fraqueza ou orifícios nos músculos que envolvem a cavidade abdominal são reparados cirurgicamente.

OBS.: Esta é a versão para o consumidor. MÉDICOS: VISUALIZAR A VERSÃO PARA PROFISSIONAIS DE SAÚDE
VISUALIZAR A VERSÃO PARA PROFISSIONAIS DE SAÚDE
quiz link

Test your knowledge

Take a Quiz! 
ANDROID iOS
ANDROID iOS
ANDROID iOS
PRINCIPAIS