Manual MSD

Please confirm that you are a health care professional

honeypot link

Doença de Scheuermann

(Doença de Scheuermann)

Por

Frank Pessler

, MD, PhD, Hannover, Germany

Última modificação do conteúdo fev 2017
Clique aqui para acessar Educação para o paciente

A doença de Scheuermann é osteocondrose que causa alterações localizadas em corpos vertebrais, ocasionando dores nas costas e cifose.

A doença de Scheuermann manifesta-se na adolescência, sendo relativamente mais comum entre os meninos. É provável que essa doença faça parte de um grupo de doenças com sintomas semelhantes, com etiologia e patogenia desconhecidas. Pode resultar de osteocondrite nas placas terminais inferiores e superiores das vértebras cartilaginosas ou após trauma. Alguns casos são familiares.

A maioria dos pacientes apresenta postura encurvada dos ombros e dor nas costas moderada e persistente. Alguns têm aspecto semelhante à síndrome de Marfan e comprimento do tronco e membros desproporcionais. A cifose torácica normal é difusa ou localizada.

Diagnóstico

  • Radiografias

Alguns casos são reconhecidos durante triagem escolar de rotina para deformidade da coluna. Radiografias laterais da coluna confirmam o diagnóstico da doença de Scheuermann mostrando formações em cunha de ≥ 5° dos 3 ou mais corpos vertebrais consecutivos, geralmente nas regiões inferior do tórax e lombar superior. Posteriormente, as placas terminais tornam-se irregulares e escleróticas. O desalinhamento da coluna é predominantemente cifótico e, às vezes, parcialmente escoliótico. Em casos atípicos, deve-se excluir a displasia esquelética generalizada por meio de rastreamento radiográfico do esqueleto. Em caso de suspeita de displasia esquelética com base em evidências clínicas, deve-se excluir TB espinhal por tomografia computadorizada ou ressonância magnética.

Tratamento

  • Reduzir suporte de peso, atividade extenuante, ou ambos

  • Raramente, suporte da coluna ou cirurgia

O processo é leve, porém prolongado, geralmente com duração variável, que pode durar vários anos (embora a duração varie muito). Mesmo depois que a doença se torna latente, o desalinhamento da coluna trivial costuma persistir.

A doença leve não progressiva pode ser tratada com a redução do peso ou das atividades cansativas. Ocasionalmente, quando a cifose é mais grave, são recomendáveis suporte da coluna e repouso em cama rígida. Raramente, os casos progressivos requerem estabilização cirúrgica e correção do desalinhamento.

Clique aqui para acessar Educação para o paciente
OBS.: Esta é a versão para profissionais. CONSUMIDORES: Clique aqui para a versão para a família
Profissionais também leram

Também de interesse

Baixe o aplicativo  do Manual MSD! ANDROID iOS
Baixe o aplicativo  do Manual MSD! ANDROID iOS
Baixe o aplicativo  do Manual MSD! ANDROID iOS ANDROID iOS
PRINCIPAIS