Manual MSD

Please confirm that you are a health care professional

honeypot link

Vacina contra poliomielite

Por

Margot L. Savoy

, MD, MPH, Lewis Katz School of Medicine at Temple University

Última modificação do conteúdo jul 2019
Clique aqui para acessar Educação para o paciente

Vacinação extensa quase erradicou a poliomielite em todo o mundo. Mas ainda ocorrem casos em regiões com imunização incompleta, como na África Subsaariana e no sul da Ásia.

Há 3 sorotipos do poliovírus (um enterovírus).

Preparados

Uma série básica de vacina de poliovírus inativada (VPI) consiste em uma mistura de poliovírus inativado por formalina tipos 1, 2, e 3. VPI pode conter traços de estreptomicina, neomicina e polimixina B.

A vacina oral de poliovírus vivo atenuado não está mais disponível nos EUA porque pode sofrer mutação para uma cepa que causa pólio em aproximadamente 1 a cada 2,4 milhões de pessoas que recebem a vacina.

Vacinas de combinação com IPV, difteria-tétano-coqueluche (DTaP) e, às vezes, também hepatite B ou Haemophilus influenzae tipo B (Hib) também estão disponíveis.

Indicações

VPI é uma vacina infantil de rotina ( Cronograma de imunização recomendado para idades de 0–6 anos).

A vacinação primária de rotina contra poliovírus para adultos que vivem nos EUA não é recomendada. Adultos não imunizados ou incompletamente imunizados que podem ser expostos ao poliovírus selvagem (p. ex., viajantes para áreas endêmicas, trabalhadores de laboratório que manuseiam amostras que podem conter poliovírus) devem ser vacinados com VPI. Adultos completamente vacinados com maior risco de exposição ao poliovírus podem receber uma dose de reforço de VPI. Para informações atuais sobre quais países são considerados de alto risco de pólio, ver the Centers for Disease Control and Prevention's (CDC) Travelers' Health: Destinations e Travelers Health: Polio.

Contraindicações e precauções

A principal contraindicação para IPV é

  • Reação alérgica grave (p. ex., anafilaxia) após uma dose anterior da vacina ou a um componente da vacina

As principais precauções com IPV são

  • Doença febril aguda moderada a grave (a vacinação é adiada até a doença desaparecer)

  • Gestantes que não têm maior risco de poliomielite (não devem receber a vacina contra a poliomielite, embora não haja evidências de que a vacina prejudique as gestantes ou o feto; no entanto, se as gestantes têm maior risco de exposição ao poliovírus e exigem proteção imediata, pode-se administrar IPV)

Administração

A dose de IPV é 0,5 mL IM ou por via subcutânea.

Uma série de 4 doses IM é administrada aos 2, 4, 6 a 18 meses, e entre 4 e 6 anos. Normalmente, é utilizada uma vacina combinada nas 3 primeiras vacinações e uma vacina de antígeno único na última dose. Se as crianças não tiverem recebido uma dose de VPI em 4 a 6 anos de idade, que deve ser dada uma dose de reforço mais rapidamente possível.

Quando DTaP-VPI/Hib (Pentacel®) é usado no cronograma de 4 doses (aos 2, 4, 6, e 15 a 18 meses), uma dose de reforço adicional da vacina contendo VPI (VPI ou DTaP-VPI [Kinrix®]) deve ser dada entre 4 anos e 6 anos, resultando em um cronograma de 5 doses; mas, DTaP-VPI/Hib não deve ser usado para a dose de reforço aos 4 a 6 anos de idade. O intervalo mínimo entre as doses 4 e 5 deve ser ≥ 6 meses para otimizar a resposta ao reforço.

A série primária VPI é recomendada para adultos não vacinados com maior risco de exposição ao poliovírus. O intervalo recomendado entre as doses 1 e 2 é de 1 a 2 meses; a 3ª dose é administrada 6 a 12 meses mais tarde. Se for necessária proteção em 2 a 3 meses, 3 doses são dadas separadamente em ≥ 1 mês. Se for necessária em 1 a 2 meses, 2 doses são administradas separadamente. Se for necessária em < 1 mês, administra-se 1 dose. Em todos os casos, deve-se administrar as doses restantes da vacina mais tarde, nos intervalos recomendados, se a pessoa continuar a ter maior risco.

Efeitos adversos

Nenhum efeito adverso grave foi associado com a VPI. Como ela pode conter traços de neomicina, estreptomicina e polimixina B, pessoas que são sensíveis a qualquer uma desses fármacos podem apresentar uma reação alérgica à vacina.

Informações adicionais

Clique aqui para acessar Educação para o paciente
OBS.: Esta é a versão para profissionais. CONSUMIDORES: Clique aqui para a versão para a família
Profissionais também leram

Também de interesse

Baixe o aplicativo  do Manual MSD! ANDROID iOS
Baixe o aplicativo  do Manual MSD! ANDROID iOS
Baixe o aplicativo  do Manual MSD! ANDROID iOS ANDROID iOS
PRINCIPAIS