Manual MSD

Please confirm that you are not located inside the Russian Federation

Carregando

Os primeiros dias após o nascimento

Por

Deborah M. Consolini

, MD, Sidney Kimmel Medical College of Thomas Jefferson University

Última revisão/alteração completa set 2019| Última modificação do conteúdo set 2019
Clique aqui para a versão para profissionais
OBS.: Esta é a versão para o consumidor. MÉDICOS: Clique aqui para a versão para profissionais
Clique aqui para a versão para profissionais

Normalmente, a mãe e o bebê passam um dia ou dois no hospital, durante os quais os novos pais aprendem a alimentar, banhar e vestir o bebê e se familiarizam com as atividades, sinais e sons do bebê.

Antes de receberem alta do hospital, os pais aprendem sobre aspectos rotineiros do cuidado com o cordão umbilical, circuncisão, pele, micção e evacuação, e peso.

Cordão umbilical

A pinça de plástico no coto do cordão umbilical é removida nas primeiras 24 horas após o nascimento. O coto deve ser mantido limpo e seco. Os médicos não recomendam mais aplicar álcool ou outras soluções antissépticas ao coto. O coto cai sozinho em uma ou duas semanas. Em casos raros, o cordão umbilical pode infeccionar. Assim, qualquer sinal de vermelhidão da pele, inchaço ou secreção deve ser examinado pelo médico.

Circuncisão

A circuncisão, se desejada, é em geral realizada nos primeiros dias de vida, com frequência antes de o recém-nascido receber alta. A decisão de submeter um recém-nascido a circuncisão depende normalmente das crenças religiosas ou das preferências pessoais dos pais. A principal razão médica para fazer uma circuncisão é a remoção de um prepúcio tão apertado a ponto de obstruir o fluxo da urina. Apesar de os rapazes que foram circuncidados terem menos risco de desenvolver câncer do pênis e infecções do trato urinário, esses riscos também podem ser reduzidos com boa higiene.

Aproximadamente 2 a 20 meninos em cada 1.000 sofrem alguma complicação, em geral hemorragia ou infecção local de pequeno porte. Contudo, infecção grave, formação de cicatriz e, em casos muito raros, amputação acidental da ponta do pênis podem ocorrer. Alguns homens não circuncidados precisarão ser circuncidados futuramente.

A circuncisão não deve ser realizada caso o menino não tenha urinado ou se apresentar um distúrbio de sangramento ou se o pênis apresentar qualquer anomalia, pois o prepúcio pode ser usado em qualquer reparo cirúrgico que possa ser necessário mais tarde. A circuncisão deve ser adiada se, durante a gravidez, a mãe tiver tomado medicamentos que aumentam o risco de hemorragias, tais como anticoagulantes ou aspirina. O médico espera até que tais medicamentos tenham sido eliminados do sistema do recém-nascido.

da pele

A maioria dos recém-nascidos apresenta erupção cutânea leve durante a primeira semana após o nascimento. A erupção cutânea em geral aparece em áreas do corpo roçadas pelas roupas — braços, pernas e costas — e raramente na face. Ela tende a desaparecer sem tratamento. A aplicação de loções ou talcos, o uso de sabonetes perfumados e de calças plásticas sobre as fraldas tende a agravar a erupção, sobretudo quando o clima está quente. Ao fim de alguns dias, a pele com frequência seca e descama, principalmente nas pregas do pulso e dos tornozelos.

Recém-nascidos que, de outro modo, seriam saudáveis podem desenvolver uma cor amarelada na pele (icterícia) após o primeiro dia. A icterícia ocorre porque o fígado do recém-nascido precisa fazer uma transição entre o funcionamento dentro do útero para o funcionamento fora do útero. Contudo, a icterícia que aparece antes das 24 horas de idade é motivo de preocupação especial e pode indicar problemas mais sérios. Caso o recém-nascido desenvolva icterícia, os médicos em geral realizam um exame de sangue para medir a concentração de bilirrubina, que é o principal pigmento da bile. Se o nível de bilirrubina estiver acima de um determinado valor, é iniciado o tratamento com fototerapia, no qual o recém-nascido é colocado sem roupas sob lâmpadas especiais (“banhos de luz”). As luzes podem ser necessárias por dois dias a uma semana.

Micção e evacuação

Nos dois primeiros dias, a urina produzida por um recém-nascido é concentrada e frequentemente contém substâncias químicas chamadas uratos, que podem fazer com que a fralda fique alaranjada ou de cor rosa. Se um recém-nascido não urinar durante as primeiras 24 horas de vida, o médico precisa descobrir por quê. O atraso em começar a urinar é mais frequente nos meninos.

A evacuação é composta por uma substância pegajosa de cor verde-escura, chamada mecônio. Todos os bebês devem eliminar o mecônio nas primeiras 24 horas após o nascimento. Caso o bebê não faça isso, o médico pode realizar exames para determinar se há algum problema. Ocasionalmente, por exemplo, um defeito congênito pode causar um bloqueio dos intestinos.

Peso

A maioria dos recém-nascidos perde 5 a 7% do peso de nascimento durante os primeiros dias de vida, principalmente porque eles perdem líquido na urina e também porque ocorre a excreção do mecônio. O recém-nascido volta ao peso de nascimento aproximadamente duas semanas depois se eles forem amamentados no seio e em aproximadamente dez dias se eles forem alimentados com fórmula infantil. Depois disso, eles devem ganhar 20 a 30 gramas por dia nos primeiros meses. Os bebês devem pesar o dobro de seu peso ao nascimento quando têm aproximadamente cinco meses de idade.

Alta do hospital

Nos Estados Unidos, os bebês normalmente recebem alta do hospital nas primeiras 24 a 48 horas. Os bebês que recebem alta no prazo de 48 horas devem retornar ao médico dois a três dias depois para uma consulta de acompanhamento (consulte Consultas de cuidados preventivos com a saúde em crianças). Os bebês que recebem alta depois de 48 horas devem fazer a consulta de acompanhamento quando tiverem duas semanas de idade, ou antes disso se tiverem problemas específicos (por exemplo, má alimentação, constipação, diarreia ou icterícia).

Normalmente, é o pediatra quem dá a alta aos bebês do hospital. Antes de o bebê receber alta, os pais recebem informações específicas sobre quando devem ligar para o consultório do pediatra. Por exemplo, os pais devem telefonar imediatamente para o pediatra se o bebê tiver febre (a temperatura deve ser medida por via retal), dificuldade respiratória, perda de apetite, vômito com bile (vômito de substância amarelo-esverdeada) ou pele azulada (cianose).

Ter um bebê novo ao chegar em casa exige uma grande adaptação para todas as pessoas envolvidas. Em uma casa sem crianças, as alterações no estilo de vida podem ser drásticas. Quando outras crianças estão presentes, o ciúme pode ser um problema. Preparar outras crianças para o novo bebê, tomar o cuidado de prestar atenção nelas e incluí-las no cuidado do bebê podem facilitar a transição. Os animais domésticos podem também precisar de atenção extra para ajudá-los a se adaptarem ao bebê. Em alguns casos, pode ser necessário manter animais domésticos afastados do bebê.

OBS.: Esta é a versão para o consumidor. MÉDICOS: Clique aqui para a versão para profissionais
Clique aqui para a versão para profissionais
Obtenha o

Também de interesse

Vídeos

Visualizar tudo
Administração de insulina
Vídeo
Administração de insulina
O diabetes é um quadro clínico que se desenvolve devido a concentrações elevadas de glicose...
Modelos 3D
Visualizar tudo
Cifose
Modelo 3D
Cifose

MÍDIAS SOCIAIS

PRINCIPAIS