Manual MSD

Please confirm that you are not located inside the Russian Federation

Carregando

Celulite orbital

Por

James Garrity

, MD, Mayo Clinic College of Medicine

Última revisão/alteração completa jul 2019| Última modificação do conteúdo jul 2019
Clique aqui para a versão para profissionais
Recursos do assunto

Celulite orbital é a infecção que afeta o tecido dentro da órbita e em volta e atrás do olho.

  • A infecção pode se alastrar para a órbita a partir das origens como os seios da face em volta do nariz.

  • Os sintomas incluem dor, inchaço, olho vermelho, febre, um olho saliente, limitação da visão, e limitação dos movimentos dos olhos.

  • Normalmente é realizada uma tomografia computadorizada ou ressonância magnética da órbita.

  • A pessoa é internada no hospital e recebe antibióticos pela veia.

Ambas a celulite orbital e a celulite pré-septal são mais comuns em crianças. Celulite pré-septal é muito mais comum do que a celulite orbital. No entanto, a celulite orbital é mais perigosa.

Quase sempre a celulite orbital tem como causa uma infecção que se alastrou para a órbita vindo dos seios em volta do nariz (seios nasais), mas também pode se originar de uma infecção dos dentes ou da corrente sanguínea. Uma mordida de animal ou picada de inseto, ou alguma outra ferida nas pálpebras também pode disseminar uma infecção e levar à celulite orbital.

Sem tratamento adequado, a celulite orbital pode provocar cegueira, assim como doenças graves. A infecção pode se estender até o cérebro (meningite) e a medula espinhal ou podem se formar coágulos de sangue que se espalham pelas veias em volta do olho, chegando até uma veia grande que se encontra na base do cérebro (seio cavernoso), provocando uma doença séria chamada trombose do seio cavernoso.

Sintomas

Sintomas de celulite da órbita incluem

  • Dor

  • Olho saliente (proptose)

  • Olho vermelho

  • Movimento ocular reduzido

  • Visão dupla

  • Dor ao movimentar o olho

  • Pálpebras inchadas

  • Febre

Por fim, a visão fica comprometida.

Diagnóstico

  • Avaliação do médico

  • Tomografia computadorizada ou ressonância magnética

  • Culturas de sangue e amostras dos seios nasais

O médico pode reconhecer a celulite da órbita sem exames de diagnóstico. No entanto, a tomografia computadorizada (TC) ou a ressonância magnética (RM) costumam ser utilizadas para confirmar o diagnóstico. Além disso, para determinar a causa, pode ser necessário uma outra avaliação que inclui exame dos dentes e da boca, e TC ou RM dos seios nasais. Quase sempre os médicos obtêm amostras dos seios nasais, bem como amostras de sangue, que são enviadas para laboratório para análise. As amostras são levadas para cultura (para que os micro-organismos se desenvolvam) e assim determinar qual bactéria está causando a infecção, quais áreas estão infectadas e quais antibióticos devem ser usados. Uma pessoa com celulite orbital é examinada por um oftalmologista (um médico especialista em distúrbios oftalmológicos).

Tratamento

  • Internação em hospital

  • Antibióticos

  • Cirurgia

As pessoas com celulite orbital são normalmente hospitalizadas. O tratamento com antibióticos é iniciado o mais rápido possível, antes dos resultados do laboratório. Antibióticos são administrados por veia. O antibiótico consumido no início pode ser alterado, caso os resultados da cultura indiquem que outro será mais eficaz. Uma cirurgia pode ser necessária se a visão está comprometida, para drenar um acúmulo de pus (abscesso) ou um seio nasal infectado, para remover um corpo estranho, ou para ajudar a tratar a infecção se os antibióticos não forem eficazes.

OBS.: Esta é a versão para o consumidor. MÉDICOS: Clique aqui para a versão para profissionais
Clique aqui para a versão para profissionais
Obtenha o

Também de interesse

Vídeos

Visualizar tudo
Degeneração macular
Vídeo
Degeneração macular
A degeneração macular, comumente referida como ARMD ou degeneração macular associada à idade...
Modelos 3D
Visualizar tudo
Glaucoma
Modelo 3D
Glaucoma

MÍDIAS SOCIAIS

PRINCIPAIS