Manual MSD

Please confirm that you are not located inside the Russian Federation

Carregando

Infecções por Pseudomonas

Por

Larry M. Bush

, MD, FACP, Charles E. Schmidt College of Medicine, Florida Atlantic University

Última revisão/alteração completa fev 2020| Última modificação do conteúdo fev 2020
Clique aqui para a versão para profissionais
OBS.: Esta é a versão para o consumidor. MÉDICOS: Clique aqui para a versão para profissionais
Clique aqui para a versão para profissionais
Recursos do assunto

Qualquer um dos vários tipos da bactéria Gram-negativaPseudomonas, sobretudo Pseudomonas aeruginosa, pode infectar partes distintas do corpo, principalmente em pessoas que têm problemas clínicos graves ou que estão hospitalizadas.

  • As infecções variam de externas leves (afetando o ouvido ou folículos capilares) a infecções internas sérias (que afetam os pulmões, a corrente sanguínea ou as válvulas do coração).

  • Os sintomas variam dependendo da área do corpo infectada.

  • A identificação das bactérias em uma amostra obtida de tecido infectado confirma o diagnóstico.

  • São aplicados antibióticos externamente no caso de infecções externas ou por via intravenosa no caso de infecções internas mais sérias.

As bactérias Pseudomonas, incluindo Pseudomonas aeruginosa estão presentes em todo o mundo, no solo e na água. Essas bactérias são favorecidas por áreas úmidas, como lavatórios, sanitários, banheiras de hidromassagem e piscinas com cloro inadequado, e soluções antissépticas vencidas ou inativadas. Às vezes, essas bactérias estão presentes nas axilas e na área genital de pessoas saudáveis.

Infecções por Pseudomonas aeruginosa variam de infecções externas pequenas a distúrbios sérios com risco de morte. As infecções ocorrem com mais frequência e tendem a ser mais severas em pessoas que:

Essas bactérias podem infectar o sangue, a pele, os ossos, os ouvidos, os olhos, as vias urinárias, as válvulas cardíacas, os pulmões, assim como feridas (como queimaduras, lesões ou feridas criadas durante cirurgia). Uso de dispositivos médicos, tais como cateteres inseridos na bexiga ou veia, tubos de respiração e ventiladores mecânicos, aumento do risco de infecções por Pseudomonas aeruginosa. Essas infecções são comumente adquiridas em hospitais. Em hospitais, as bactérias muitas vezes estão presentes em pias, soluções antissépticas e recipientes usados para coletar urina de um cateter de bexiga.

Sintomas

Pseudomonas aeruginosa causa muitas infecções diferentes.

Ouvido de nadador (otite externa) é uma infecção externa leve que pode ocorrer em pessoas de resto saudáveis. Água contendo bactéria pode entrar no ouvido durante a natação. O ouvido de nadador causa coceira, dor e às vezes uma secreção do ouvido.

Otite externa maligna é uma infecção mais grave do ouvido externo. É mais comum entre pessoas com diabetes. Os tecidos ficam inchados e inflamados, fechando de forma parcial ou total o canal do ouvido. Os sintomas podem incluir febre, perda da audição, inflamação de tecidos ao redor da área infectada, dor de ouvido severa, uma secreção do ouvido de odor forte e dano ao nervo.

Foliculite de banheira quente é outra infecção externa leve. As raízes dos cabelos (folículos) ficam infectadas em pessoas que usam banheira de água quente (hidromassagem), principalmente se estas estiverem tratadas inadequadamente com cloro. Passar muito tempo na água suaviza os folículos, facilitando a invasão de bactérias. Desenvolve-se uma erupção cutânea com coceira que consiste em espinhas diminutas. As espinhas podem ter uma gota de pus no centro.

Ectima gangrenoso é uma ferida na pele que ocorre em pessoas que têm muito poucos glóbulos brancos no sangue (neutropenia). A ferida apresenta um centro negro-arroxeado e é circundada por uma faixa vermelha. Essas feridas ocorrem geralmente em áreas úmidas, como as axilas ou áreas genitais.

Infecções oculares devido a essas bactérias podem danificar a córnea, muitas vezes de modo permanente. As enzimas produzidas pelas bactérias podem destruir rapidamente o olho. As infecções geralmente resultam de lesões, mas podem resultar da contaminação de lentes de contato ou da solução de lentes de contato.

Infecções de tecidos macios incluem aquelas nos músculos, tendões, ligamentos, gordura e pele. Essas infecções podem ocorrer em feridas penetrantes profundas (por exemplo, uma ferida causada por pisar em um prego). As bactérias Pseudomonas também podem infectar úlceras de decúbito, queimaduras e feridas devido a lesões ou cirurgia. Quando essas bactérias crescem em curativos sujos, os curativos ficam esverdeados e cheiram como grama recém-cortada. Os líquidos que drenam dessas feridas muitas vezes têm odor doce, de fruta.

Pode haver desenvolvimento de pneumonia grave em pessoas hospitalizadas, especialmente aquelas que precisam usar tubo de respiração e ventilador mecânico. Em pessoas com infecção por HIV, as bactérias Pseudomonas comumente causam pneumonia ou infecções sinusais.

As infecções do trato urinário geralmente se desenvolvem nas seguintes circunstâncias:

  • Após realização de um procedimento envolvendo o trato urinário

  • Quando o trato urinário está bloqueado

  • Quando um cateter precisa permanecer na bexiga por um longo período

As infecções na corrente sanguínea (bacteremia) muitas vezes ocorrem quando:

  • As bactérias entram na corrente sanguínea a partir de um órgão infectado (tal como o trato urinário).

  • Uma droga ilícita contaminada é injetada na veia.

  • Uma agulha ou seringa contaminada é usada para injetar droga ilícita.

  • Um cateter em um vaso sanguíneo (denominado cateter intravascular) é deixado no local.

Às vezes, a fonte das bactérias é desconhecida, como pode ocorrer em pessoas que têm muito poucos glóbulos brancos no sangue depois de quimioterapia para câncer. Manchas negro-arroxeadas circundadas por uma borda vermelha na pele (ectima gangrenoso) muitas vezes se desenvolvem nas axilas e na virilha. Sem tratamento, uma infecção na corrente sanguínea pode levar ao choque e à morte.

As infecções dos ossos e das articulações geralmente ocorrem na espinha, no osso púbico e/ou na articulação entre a clavícula e o esterno. As bactérias costumam se disseminar para os ossos e as articulações a partir da corrente sanguínea, principalmente em pessoas que usam drogas intravenosas ilícitas. Menos frequentemente, as bactérias se disseminam a partir dos tecidos moles adjacentes que foram infectados após uma lesão ou cirurgia.

As infecções de válvulas do coração são raras. Elas geralmente ocorrem em pessoas que injetam drogas por via intravenosa e em pessoas com válvulas cardíacas artificiais. As bactérias geralmente se disseminam para as válvulas cardíacas a partir da corrente sanguínea.

Diagnóstico

  • Cultura de uma amostra de sangue ou de outros líquidos corporais

Os médicos diagnosticam infecção por Pseudomonas aeruginosa coletando uma amostra de sangue ou outros líquidos do corpo e enviando-a a um laboratório para cultivo e identificação da bactéria.

Também são feitos testes para determinar quais antibióticos serão provavelmente eficazes (testes de suscetibilidade).

Tratamento

  • Geralmente antibióticos aplicados de forma tópica, tomados por via oral ou aplicados por via intravenosa, dependendo do local da infecção

O ouvido de nadador pode ser tratado de forma eficaz, bem como prevenido, irrigando os ouvidos com uma solução de ácido acético (vinagre) antes e depois de nadar. Ou a infecção pode ser tratada com um antibiótico tópico como polimixina aplicada ao ouvido.

A foliculite de banheira quente costuma solucionar-se sem tratamento.

As infecções no olho são tratadas com gotas de antibiótico altamente concentrado, a princípio aplicadas com frequência. Por vezes, os antibióticos devem ser aplicados diretamente no olho.

As infecções das vias urinárias que causam sintomas podem ser frequentemente tratadas com levofloxacino ou ciprofloxacino tomados por via oral. Se essas infecções não causarem sintomas, elas geralmente não são tratadas.

As infecções sérias por Pseudomonas aeruginosa são difíceis de tratar. A otite externa maligna, as infecções internas (tais como pneumonia ou infecção da válvula cardíaca) e as infecções de sangue requerem semanas de terapia com um antibiótico intravenoso. Geralmente, um só antibiótico, como ceftazidima ou ciprofloxacino, é eficaz. Mas às vezes é necessária uma combinação de antibióticos porque muitas cepas, principalmente aquelas adquiridas em um estabelecimento de saúde, são resistentes a muitos antibióticos. Os médicos inicialmente escolhem um antibiótico que seja geralmente eficaz em sua área geográfica. Eles podem mudar os antibióticos após obterem os resultados dos testes indicando que antibióticos são provavelmente eficazes.

No caso de infecções da válvula cardíaca, geralmente é necessário realizar uma cirurgia de coração aberto para substituir a válvula, juntamente com tratamento com antibiótico ( Substituindo uma válvula cardíaca).

OBS.: Esta é a versão para o consumidor. MÉDICOS: Clique aqui para a versão para profissionais
Clique aqui para a versão para profissionais
Obtenha o

Também de interesse

Vídeos

Visualizar tudo
Antraz
Vídeo
Antraz
Em condições adversas, as bactérias grandes em forma de bastonetes que causam o antraz evoluem...
Modelos 3D
Visualizar tudo
Herpes labial
Modelo 3D
Herpes labial

MÍDIAS SOCIAIS

PRINCIPAIS