Manual MSD

Please confirm that you are not located inside the Russian Federation

Carregando

Maconha

(Cannabis)

Por

Gerald F. O’Malley

, DO, Grand Strand Regional Medical Center;


Rika O’Malley

, MD, Albert Einstein Medical Center

Última revisão/alteração completa ago 2017| Última modificação do conteúdo ago 2017
Clique aqui para a versão para profissionais
  • A maconha produz um estado de sonho, uma sensação de bem-estar e percepções distorcidas.

  • Uma pessoa pode desenvolver dependência psicológica se ela usar maconha por muito tempo.

  • Interromper a droga provoca apenas sintomas leves.

  • A maconha pode ser detectada na urina durante dias, até semanas, depois de ter sido usada.

  • O tratamento envolve psicoterapia, que é eficaz apenas quando as pessoas estão motivadas para parar.

O uso da maconha (cannabis) é muito abrangente nos Estados Unidos; a maconha costuma ser usada periodicamente sem evidência de problemas sociais ou psicológicos.

Nos Estados Unidos, a maconha é usada, habitualmente, na forma de cigarros (baseados) feitos do caule, das folhas e das flores da planta seca (Cannabis sativa ou Cannabis indica). A maconha também é usada como haxixe, que é a resina da planta prensada (uma substância parecida com o alcatrão). A legalização da maconha criou um mercado de produtos que podem ser comidos ou vaporizados em cigarros eletrônicos. Existem também várias apresentações que podem ser aplicadas na pele na forma de tinturas, loções ou sprays.

O princípio ativo da maconha é o delta-9-tetraidrocanabinol (THC). O dronabinol, uma forma sintética do delta-9-THC, é usado para aliviar a náusea e o vômito provocados pelos medicamentos de quimioterapia, e para melhorar o apetite e a AIDS.

A maioria das pessoas usa a maconha de forma intermitente e sem desenvolver disfunção social ou psicológica ou dependência perceptível. No entanto, algumas pessoas se tornam dependentes da maconha.

Sintomas

Efeito imediato

A maconha reduz a atividade cerebral, produzindo um estado de sonho, no qual as ideias parecem sem nexo e sem controle. É ligeiramente psicodélica, causa distorção e intensificação da percepção do tempo, da cor e do espaço. As cores podem parecer mais brilhantes e os sons podem parecer mais fortes. A sensação de euforia e relaxamento é chamada de “barato”.

Em geral, a maconha alivia a tensão e dá uma sensação de bem-estar. A sensação de exaltação, excitação e satisfação interior (efeito de euforia) parece estar relacionada com o ambiente em que se consome a droga, quer o fumante esteja sozinho ou em grupo, e depende também do humor predominante.

A coordenação, o tempo de reação, a percepção de profundidade e a concentração podem ficar prejudicados por 24 horas após o uso da maconha; portanto, dirigir ou operar equipamento pesado é perigoso durante esse período. Outros efeitos incluem o aumento da frequência cardíaca, olhos vermelhos, aumento do apetite e boca seca. Esses efeitos normalmente duram de quatro a seis horas após a inalação.

Algumas pessoas, especialmente as que nunca usaram maconha antes, passam por sentimentos de ansiedade, de pânico ou de paranoia. A maconha pode piorar ou desencadear a psicose (perda do contato com a realidade) em pessoas com esquizofrenia.

Efeitos no longo prazo

A pessoa que usa grandes quantidades de maconha por um longo período pode apresentar problemas de respiração como

  • Bronquite

  • Sibilos

  • Tosse

  • Aumento do catarro

  • Dores abdominais e síndrome do vômito cíclico

No entanto, mesmo quem fuma diariamente não desenvolve doença obstrutiva das vias aéreas. Não há evidências de maior risco de câncer de cabeça e pescoço, ou de câncer das vias aéreas, como ocorre com o tabaco.

Estudos recentes sugerem que o uso da maconha quando iniciado na adolescência pode dar origem ao comprometimento cognitivo e a alterações no cérebro.

A hiperêmese canábica é uma síndrome que foi recentemente descrita em que os usuários de maconha de longa data apresentam acessos alternados de náusea e vômitos. A resolução dessa síndrome geralmente ocorre no prazo de 48 horas. Tomar banhos quentes proporciona um pouco de alívio e é o indício mais importante para o diagnóstico desse quadro clínico pelos médicos.

As mulheres grávidas que usam maconha podem ter bebês menores que as não usuárias, mas o efeito parece pequeno. O delta-9-THC passa para o leite materno, mas nenhum efeito nocivo foi detectado em bebês. Mesmo assim, mulheres grávidas, tentando engravidar ou amamentando são aconselhadas a não usar maconha.

Sintomas de abstinência

A maconha é lentamente eliminada do corpo, no decorrer de várias semanas, por isso, os sintomas de abstinência tendem a ser leves. Depois de algumas semanas de uso intenso e frequente, parar abruptamente faz com que os sintomas apareçam cerca de doze horas depois e durem até sete dias. Os sintomas incluem

  • Insônia

  • Irritabilidade

  • Depressão

  • Náusea

  • Perda de apetite

Diagnóstico

  • Exame de urina

Um exame de urina consegue detectar THC por vários dias ou semanas depois de ela ter sido usada, mesmo nos usuários casuais. Nos usuários regulares, o exame pode detectar a droga em um período ainda maior, enquanto a droga é lentamente liberada pela gordura corporal. O exame de urina é uma maneira eficaz de identificar o uso da maconha, mas um resultado positivo significa apenas que a pessoa usou maconha. O exame de urina não prova que o usuário está incapacitado no momento (intoxicado).

Tratamento

  • Psicoterapia e tratamento farmacológico

  • Aplicação de creme tópico de capsaicina a 0,1% no abdômen (benéfico para tratar a síndrome do vômito cíclico)

Para pessoas que querem parar de usar maconha, a psicoterapia, a modificação do comportamento e programas de tratamento contra droga podem ser úteis. Contudo, o êxito baseia-se principalmente na motivação em parar de usar e, para alguns usuários, na vontade de se desassociar de seu círculo social de usuários regulares.

Mais informações

OBS.: Esta é a versão para o consumidor. MÉDICOS: Clique aqui para a versão para profissionais
Clique aqui para a versão para profissionais
Obtenha o

Também de interesse

Vídeos

Visualizar tudo
Raios X
Vídeo
Raios X
A tecnologia de raios X utiliza raios de alta energia que podem atravessar certos tecidos...
Exame de tomografia computadorizada (TC)
Vídeo
Exame de tomografia computadorizada (TC)
Um exame de TC é utilizado para detectar lesão em ossos e tecidos moles. Durante o procedimento...

MÍDIAS SOCIAIS

PRINCIPAIS