Manual MSD

Please confirm that you are not located inside the Russian Federation

honeypot link

Síndrome do levantador

Por

Parswa Ansari

, MD, Hofstra Northwell-Lenox Hill Hospital, New York

Última revisão/alteração completa jan 2020| Última modificação do conteúdo jan 2020
Clique aqui para a versão para profissionais
Recursos do assunto

A síndrome do levantador é uma dor esporádica no reto causada pelo espasmo de um músculo próximo ao ânus (o músculo levantador do ânus).

  • A causa dos espasmos no músculo próximo ao ânus é geralmente desconhecida.

  • A dor pode ser breve ou durar várias horas.

  • O diagnóstico se baseia em um exame.

  • O tratamento inclui analgésicos e banhos de assento e, às vezes, fisioterapia.

O reto é a seção do trato digestivo acima do ânus, onde as fezes são mantidas antes de serem expelidas do corpo pelo ânus. O ânus é a abertura, na extremidade do trato digestivo, pelo qual as fezes saem do corpo. (consulte também Considerações gerais sobre o ânus e o reto).

O sistema digestivo

O sistema digestivo

A proctalgia fugaz é a dor passageira no reto. Coccidinia é a dor próxima ao cóccix. Ambos os distúrbios são variações da síndrome do levantador.

Não se sabe por que ocorrem espasmos no músculo levantador do ânus. O espasmo do músculo causa dor que, normalmente, não se relaciona à evacuação. A dor geralmente dura menos de 20 minutos. A dor pode ser breve, intensa ou indefinida e localiza-se na região superior do reto. Ela pode ocorrer espontaneamente ou em posição sentada e pode despertar uma pessoa do sono. Há uma sensação de que a dor poderia ser aliviada pela passagem de gases ou evacuação. Em casos graves, a dor pode persistir por muitas horas e pode recorrer frequentemente. Uma pessoa pode se submeter a várias operações retais malsucedidas para aliviar esses sintomas.

Diagnóstico

  • Exame médico

O médico realiza um exame físico para descartar a possibilidade de outras doenças retais dolorosas (como, por exemplo, hemorroidas trombosadas, fissuras ou abscessos). O exame físico geralmente é normal, embora o músculo possa apresentar-se sensível ou rígido. Geralmente, a dor é causada por distúrbios na parte inferior das costas ou próstata.

Tratamento

  • Analgésicos e banhos de assento

  • Fisioterapia da pelve

O médico explica que esse quadro clínico não apresenta risco à vida nem é grave. Um episódio pode ser aliviado pela passagem de gases ou evacuação ou com um analgésico leve (por exemplo, aspirina). Um episódio também pode ser aliviado com a imersão do ânus em água morna (não quente), conhecido como banho de assento. A imersão é realizada com a pessoa de cócoras ou sentada em uma banheira parcialmente cheia por 10 a 15 minutos ou usando-se um recipiente com água quente colocado no vaso sanitário ou bidê.

Quando os sintomas da síndrome do levantador são mais intensos, a pessoa pode realizar fisioterapia da pelve.

OBS.: Esta é a versão para o consumidor. MÉDICOS: Clique aqui para a versão para profissionais
Clique aqui para a versão para profissionais
Obtenha o

Também de interesse

Baixe o aplicativo  do Manual MSD! ANDROID iOS
Baixe o aplicativo  do Manual MSD! ANDROID iOS
Baixe o aplicativo  do Manual MSD! ANDROID iOS
PRINCIPAIS