Manual MSD

Please confirm that you are not located inside the Russian Federation

honeypot link

Uso de drogas injetáveis

Por

Gerald F. O’Malley

, DO, Grand Strand Regional Medical Center;


Rika O’Malley

, MD, Grand Strand Medical Center

Avaliado clinicamente jun 2020
VISUALIZAR A VERSÃO PARA PROFISSIONAIS DE SAÚDE
Recursos do assunto

As drogas podem ser ingeridas, fumadas, inaladas pelo nariz como pó (aspiradas) ou injetadas. Quando as drogas são injetadas, os efeitos podem ocorrer mais rapidamente, mais fortes, ou as duas coisas.

As drogas podem ser injetadas em uma veia (por via intravenosa), em um músculo (por via intramuscular) ou sob a pele (por via subcutânea). As veias nos braços são normalmente usadas para dar as injeções intravenosas, mas se essas áreas ficarem cheias de cicatrizes ou muito danificadas, a pessoa pode injetar drogas em veias em qualquer lugar do corpo, incluindo coxas, pescoço, axilas ou pés

Complicações

Drogas injetáveis trazem mais riscos que outros métodos. As pessoas ficam expostas não apenas aos efeitos da droga, como também a problemas relacionados à própria injeção, como os seguintes:

Diagnóstico

  • Avaliação médica

  • Às vezes, a pessoa informa o próprio uso

Às vezes, o abuso de drogas injetáveis é diagnosticado quando a pessoa procura um profissional da área de saúde porque quer ajuda para parar de usar a droga. Outras pessoas tentam ocultar o uso de drogas.

Os profissionais da área de saúde podem suspeitar de problemas com o uso de drogas, quando perceberem alterações no humor ou no comportamento de uma pessoa. Eles poderão, em seguida, fazer um exame físico completo. Os sinais do abuso das drogas podem ser evidentes. Por exemplo, a injeção repetida de drogas via intravenosa produz marcas de rastros na pele. As marcas de rastros na pele são linhas de pontos pequenos e escuros (punções de agulha), cercados por uma área de pele escurecida ou descolorida. A injeção de drogas sob a pele pode causar cicatrizes circulares ou úlceras na pele. A pessoa que usa drogas injetáveis pode tentar justificar outros motivos para as marcas, como doações de sangue frequentes, mordidas de insetos ou outras lesões.

Os profissionais da área de saúde também usam outros métodos (como questionários) para identificar o abuso de algumas drogas e de outras substâncias, e para determinar a abrangência do uso e seus efeitos. Exames de urina e, às vezes, exames de sangue podem ser feitos para detectar a presença de drogas.

Tratamento

  • Aconselhamento

  • Prevenção e tratamento de complicações infecciosas

O tratamento específico depende da droga sendo usada, mas normalmente envolve psicoterapia e, às vezes, envolve o uso de outras drogas. O suporte da família e grupos de suporte ajudam as pessoas a não desistirem de parar de consumir a droga.

O tratamento de complicações é o mesmo que para complicações semelhantes com outras causas. Por exemplo, abscessos podem ser drenados e antibióticos podem ser usados para tratar infecções.

Uma campanha para redução de danos foi iniciada, uma vez que o compartilhamento de agulhas é uma causa comum da infecção por HIV Infecção pelo vírus da imunodeficiência humana (HIV) A infecção pelo vírus da imunodeficiência humana (HIV) é uma infecção viral que destrói progressivamente certos glóbulos brancos do sangue e pode provocar a síndrome da imunodeficiência adquirida... leia mais Infecção pelo vírus da imunodeficiência humana (HIV) . Seu objetivo é reduzir o dano do uso de drogas em usuários que não conseguem parar. Assim, os usuários recebem agulhas e seringas limpas, para que não reutilizem as agulhas alheias. Essa estratégia ajuda a reduzir a disseminação (e o custo para a sociedade) da infecção por HIV e da hepatite.

Mais informações

OBS.: Esta é a versão para o consumidor. MÉDICOS: VISUALIZAR A VERSÃO PARA PROFISSIONAIS DE SAÚDE
VISUALIZAR A VERSÃO PARA PROFISSIONAIS DE SAÚDE
quiz link

Test your knowledge

Take a Quiz! 
ANDROID iOS
ANDROID iOS
ANDROID iOS
PRINCIPAIS