Manual MSD

Please confirm that you are a health care professional

Carregando

Epicondilite medial

(Cotovelo do golfista)

Por

Paul L. Liebert

, MD, Tomah Memorial Hospital, Tomah, WI

Última modificação do conteúdo mar 2018
Clique aqui para acessar Educação para o paciente
Recursos do assunto

Consiste na inflamação do músculo pronador flexor, que se origina no epicôndilo medial do cotovelo. O diagnóstico é dado por teste provocativo. O tratamento consiste em repouso, gelo e retorno gradual à atividade.

Epicondilite medial é causada por qualquer atividade que coloque força valga no cotovelo ou que envolva flexionar forçadamente os músculos do antebraço vôlar, como ocorre durante um lançamento no jogo de golfe, ao sacar a bola no tênis (especialmente com efeito, com raquete muito pesada, cordas muito apertadas, empunhadura de tamanho menor ou com bolas pesadas) e no lançamento de dardo. Atividades não esportivas que podem causar epicondilite medial incluem colocação de tijolos e os atos de martelar e digitar.

Sinais e sintomas

O paciente registra dor em tendões pronadores flexores (anexos ao epicôndilo medial) e epicôndilo medial quando o punho é flexionado ou pronado contra a resistência.

Diagnóstico

  • Teste provocativo

Para confirmar o diagnóstico, o examinador senta o paciente em uma cadeira, com o antebraço repousando sobre uma mesa e a mão supinada. O paciente tenta levantar o punho flexionando-o enquanto o examinador o segura para baixo. O diagnóstico consiste em dor no epicôndilo medial e nos tendões flexores pronados. (Ver também Como examinar o cotovelo.)

Tratamento

  • Repouso, gelo e alongamentos

  • Modificação da atividade

  • Posteriormente, exercícios resistidos

O tratamento é sintomático e similar àquele para epicondilite lateral. O paciente deve evitar qualquer atividade que cause dor. Primeiramente, repouso, gelo, AINEs e alongamento são utilizados, ocasionalmente com injeção de cortisona na área dolorida ao redor do tendão. Quando a dor melhora, exercícios resistidos suaves nos músculos extensores e flexores são feitos no antebraço, seguidos de exercícios resistidos excêntricos e concêntricos. Em geral, a cirurgia é considerada somente após 9 a 12 meses de insucesso de tratamento conservador. As técnicas cirúrgicas para tratar epicondilite medial envolvem remoção da cicatriz do tecido e recolocação dos tecidos lesados.

Exercícios para aliviar a epicondilite medial
Clique aqui para acessar Educação para o paciente
OBS.: Esta é a versão para profissionais. CONSUMIDORES: Clique aqui para a versão para a família
Profissionais também leram

Também de interesse

Vídeos

Visualizar tudo
Alteração unilateral no teste de Thompson
Vídeo
Alteração unilateral no teste de Thompson
Modelos 3D
Visualizar tudo
Tecido conjuntivo musculoesquelético
Modelo 3D
Tecido conjuntivo musculoesquelético

MÍDIAS SOCIAIS

PRINCIPAIS