Manual MSD

Please confirm that you are not located inside the Russian Federation

honeypot link

Ceratite intersticial

(Parenchymatous Keratitis)

Por

Melvin I. Roat

, MD, FACS, Sidney Kimmel Medical College at Thomas Jefferson University

Última revisão/alteração completa mai 2020| Última modificação do conteúdo mai 2020
Clique aqui para a versão para profissionais
Recursos do assunto

A ceratite intersticial é uma doença ocular grave que envolve inflamação da camada média da córnea (a camada transparente na frente da íris e da pupila). Ela geralmente ocorre em pessoas que tiveram infecções oculares.

  • Os sintomas incluem lacrimejamento, dor no olho, visão embaçada e aumento da sensibilidade à luz intensa em um ou ambos os olhos.

  • O diagnóstico é feito por avaliação médica e exames de sangue para descartar outras doenças.

  • Os médicos tratam a infecção de base.

An Inside Look at the Eye

An Inside Look at the Eye

A ceratite intersticial é rara nos Estados Unidos. A maioria dos casos ocorre em crianças ou adolescentes como uma complicação da sífilis congênita. Outras causas de ceratite intersticial incluem síndrome de Cogan, doença de Lyme, vírus Epstein-Barr, sífilis adquirida, herpes simples, vírus da varicela zoster e tuberculose.

Sintomas

A ceratite intersticial pode afetar um ou ambos os olhos. As pessoas desenvolvem lacrimejamento, dor ocular, visão embaçada e aumento da sensibilidade à luz intensa. Às vezes, na ceratite intersticial secundária à sífilis, a córnea se torna embaçada e pode causar perda permanente da visão.

Diagnóstico

  • Um exame do olho

  • Exames de sangue

Os médicos suspeitam de ceratite intersticial quando observam uma córnea afetada em uma pessoa que também tem histórico de uma infecção, como a sífilis. Para examinar a córnea, em geral se usa uma lâmpada de fenda (um instrumento que permite ao médico examinar o olho em alta magnificação).

Também são realizados exames para sífilis, doença de Lyme e o vírus Epstein-Barr. Pessoas com ceratite intersticial e exames de sangue normais devem ser avaliados quanto a síndrome de Cogan.

Tratamento

  • Colírios de corticosteroides

A ceratite intersticial pode se resolver com o tratamento da infecção de base. Às vezes, as pessoas são tratadas com um colírio de corticosteroide para diminuir a inflamação da córnea.

OBS.: Esta é a versão para o consumidor. MÉDICOS: Clique aqui para a versão para profissionais
Clique aqui para a versão para profissionais
Obtenha o

Também de interesse

MÍDIAS SOCIAIS

PRINCIPAIS