Manual MSD

Please confirm that you are not located inside the Russian Federation

Carregando

Diminuição da transpiração

(Hipoidrose)

Por

Shinjita Das

, MD, Harvard Medical School

Última revisão/alteração completa fev 2019| Última modificação do conteúdo fev 2019
Clique aqui para a versão para profissionais
OBS.: Esta é a versão para o consumidor. MÉDICOS: Clique aqui para a versão para profissionais
Clique aqui para a versão para profissionais

Algumas pessoas transpiram muito pouco (um quadro clínico chamado hipoidrose).

A diminuição da transpiração é normalmente limitada a uma área específica do corpo. Pode ser causada por uma lesão na pele (como traumatismo, radiação, infecção [como lepra] ou inflamação) ou por um distúrbio do tecido conjuntivo (como esclerose sistêmica, lúpus eritematoso sistêmico ou síndrome de Sjögren) que definha as glândulas sudoríparas.

A diminuição da transpiração também pode ser causada por medicamentos, especialmente aqueles que têm efeitos anticolinérgicos ( Anticolinérgicos: O que isso significa?). Danos nos nervos causados por diabetes (neuropatia diabética) também podem diminuir a transpiração, assim como uma variedade de síndromes existentes durante ou antes do nascimento. Às vezes, as pessoas que passam por insolação muito grave param de transpirar.

Um médico faz o diagnóstico de diminuição da transpiração ao observar a pessoa. Se a pessoa for incapaz de tolerar o calor ou tiver uma diminuição da transpiração em uma grande parte do corpo, pode ficar superaquecida.

O melhor tratamento para a diminuição da transpiração é resfriar o corpo pelo uso de ar condicionado e usar roupas úmidas.

OBS.: Esta é a versão para o consumidor. MÉDICOS: Clique aqui para a versão para profissionais
Clique aqui para a versão para profissionais
Obtenha o

Também de interesse

Vídeos

Visualizar tudo
Urticária
Vídeo
Urticária
A urticária é uma doença de pele inofensiva causada pelo aumento de fluxo sanguíneo e de líquido...
Modelos 3D
Visualizar tudo
Eritema linear
Modelo 3D
Eritema linear

MÍDIAS SOCIAIS

PRINCIPAIS