Manual MSD

Please confirm that you are not located inside the Russian Federation

Carregando

Descrições de marcas, crescimentos e alterações da cor da pele

Por

Julia Benedetti

, MD, Harvard Medical School

Última revisão/alteração completa abr 2019| Última modificação do conteúdo abr 2019
Clique aqui para a versão para profissionais
OBS.: Esta é a versão para o consumidor. MÉDICOS: Clique aqui para a versão para profissionais
Clique aqui para a versão para profissionais
Recursos do assunto

Os médicos utilizam termos específicos para descrever vários tipos de marcas e crescimentos na pele. Alguns distúrbios e infecções da pele podem causar alterações na cor da pele.

(Consulte também Estrutura e função da pele).

Tipos de marcas e crescimentos da pele

Atrofia é o afinamento da pele que pode, às vezes, resultar em uma depressão e frequentemente confere à pele um aspecto seco e enrugado de “papel de cigarro”.

Bolhas são bolas transparentes cheias de líquido que têm mais de 10 milímetros de diâmetro (maiores do que vesículas).

Crostas (escaras) consistem em sangue, pus ou líquidos secos na superfície da pele. Uma crosta pode se formar onde houver danos na pele.

Cistos são cavidades de paredes finas cheias de líquido ou material semilíquido. Muitas vezes eles parecem e são sentidos como um caroço (nódulo) na pele.

Erosões são áreas abertas de pele que resultam de perda de parte ou de todas as camadas superficiais (epiderme) da pele. As erosões surgem quando a pele se danifica, devido a infecção, pressão, irritação ou calor. Elas costumam sarar sem deixar cicatrizes.

Escoriações são erosões provocadas pelo ato de coçar, esfregar ou cutucar a pele. Muitas vezes, as escoriações são cobertas por uma crosta.

Lesão é um termo geral para qualquer marca ou crescimento anormal na pele.

Liquenificação é o espessamento da pele que passa a exibir pregas cutâneas ou fendas acentuadas semelhantes a sulcos e rugas profundas. A liquenificação é causada pelo ato repetido de coçar ou esfregar.

Máculas são manchas planas e descoloridas de forma variável, com menos de 10 milímetros de diâmetro. As sardas, os nevos planos, as manchas cor vinho-do-porto e muitas erupções são máculas.

Nódulos são áreas sólidas salientes, geralmente redondas. Eles são mais profundos e fáceis de apalpar do que as pápulas. Por vezes, forma-se um nódulo sob a superfície da pele, que se eleva para cima.

Pápulas são caroços sólidos salientes com menos de 10 milímetros de diâmetro. Verrugas, picadas de inseto, líquen plano e alguns tipos de câncer de pele podem crescer como pápulas.

“Patches” são manchas planas maiores (maiores que 10 milímetros).

Placas são áreas planas ou salientes, ou grupos de pequenas protuberâncias (pápulas) geralmente com mais de 10 milímetros de diâmetro.

Pústulas são manchas cheias de líquido (vesículas) que contêm pus.

Escamas são áreas de células epidérmicas mortas, empilhadas, que aparecem como uma placa seca e flocular. As escamas ocorrem na psoríase, dermatite seborreica e em vários outros distúrbios.

Cicatrizes são áreas onde a pele normal foi substituída por tecido fibroso (formador de cicatriz). As cicatrizes se formam depois de lesões da derme.

Telangiectasias são vasos sanguíneos dilatados próximos à superfície da pele que geralmente parecem torcidos e que ficam esbranquiçados (clareiam) quando se aplica pressão.

Úlceras são semelhantes a erosões, mas mais profundas, que penetram pelo menos em uma parte da derme. As causas são as mesmas das erosões, mas frequentemente há também quadros clínicos envolvidos que prejudicam a cicatrização, como estase venosa, diabetes, doença arterial periférica e vasculite. As úlceras geralmente saram com cicatrização.

Vesículas são bolinhas transparentes e cheias de líquido com menos de 10 milímetros de diâmetro. Bolhas são vesículas com mais de 10 milímetros de diâmetro. Herpes zoster (cobreiro), varicela, queimaduras, reações alérgicas e irritações formam vesículas e bolhas.

Vergões (urticária) são áreas elevadas e avermelhadas que coçam e são causadas por inchaço da pele. Os vergões aparecem relativamente rápido e quase sempre desaparecem em 24 horas. Os vergões são reações alérgicas comuns a medicamentos, mordidas de insetos ou algo que entre em contato com a pele. A presença de múltiplos vergões é chamada urticária.

Exemplos de marcas, saliências e alterações de cor na pele

Alterações de cor na pele

A pele avermelhada (eritema) pode resultar de muitos distúrbios diferentes que provocam inflamação ou que são causados por infecção. Os tumores da pele muitas vezes são rosados ou avermelhados. Os distúrbios que afetam os vasos sanguíneos próximos à superfície da pele, como manchas cor vinho-do-porto, podem ter aspecto avermelhado.

Pele alaranjada é mais frequentemente o resultado de hipercarotenemia. A hipercarotenemia é um quadro clínico resultante do excesso do pigmento caroteno no sangue. As pessoas que ingerem excesso de alimentos ricos em betacaroteno, como cenouras, podem desenvolver hipercarotenemia.

A pele amarelada pode ocorrer em pessoas que têm icterícia. As causas de áreas amareladas isoladas incluem xantelasmas e xantomas (pequenos depósitos amarelos de gordura na pele ou nos tendões) e pseudoxantoma elástico.

Unhas dos dedos da mão esverdeadas são normalmente causadas por infecção pela bactéria Pseudomonas aeruginosa.

A pele de cor violácea pode ser causada por sangramento debaixo da pele (hemorragia cutânea) ou vasculite. Crescimentos anormais de vasos sanguíneos, como sarcoma de Kaposi e hemangiomas podem parecer roxos. Uma inflamação da pele devido a dermatomiosite pode causar uma coloração roxo-avermelhada ou lilás ao redor dos olhos e da face (chamada erupção heliotrópica).

Podem surgir tons azulados, prateados e acinzentados quando medicamentos ou metais, incluindo minociclina, amiodarona e prata (argiria), são depositados na pele. A pele que apresenta um bloqueio ou mau fornecimento pode apresentar coloração roxa a cinza. Algumas marcas de nascença e pintas (nevos) que estão enraizados na pele podem parecer azuis.

Lesões negras na pele podem conter células especializadas que produzem o pigmento marrom melanina (melanócitos). Exemplos desses tipos de lesões incluem pintas (nevos) e melanoma. Crostas espessas e negras (chamadas escaras) são acúmulos de pele morta e podem ser causadas por necrose do tecido (infarto).

OBS.: Esta é a versão para o consumidor. MÉDICOS: Clique aqui para a versão para profissionais
Clique aqui para a versão para profissionais
Obtenha o

Também de interesse

Vídeos

Visualizar tudo
Acne
Vídeo
Acne
A pele contém muitos folículos pilosos diminutos, ou poros. Cada poro contém um pelo e uma...
Modelos 3D
Visualizar tudo
Eritema linear
Modelo 3D
Eritema linear

MÍDIAS SOCIAIS

PRINCIPAIS