Manual MSD

Please confirm that you are not located inside the Russian Federation

Carregando

Ossos

Por

Alexandra Villa-Forte

, MD, MPH, Cleveland Clinic

Última revisão/alteração completa dez 2019| Última modificação do conteúdo dez 2019
Clique aqui para a versão para profissionais
OBS.: Esta é a versão para o consumidor. MÉDICOS: Clique aqui para a versão para profissionais
Clique aqui para a versão para profissionais
Recursos do assunto

Os ossos, embora resistentes, são formados por um tecido em constante mudança que tem várias funções. Os ossos servem como estruturas rígidas para o corpo e como escudos para proteger órgãos internos delicados. Eles fornecem alojamento para a medula óssea, onde as células sanguíneas são formadas. Os ossos também mantêm o reservatório de cálcio do corpo. Em crianças, alguns ossos têm áreas chamadas placas de crescimento. Os ossos se alongam nessas áreas até que a criança atinja sua altura total, quando as placas de crescimento se fecham. Depois disso, os ossos crescem em espessura, não mais em comprimento, com base na necessidade corporal de resistência óssea adicional em certas zonas.

Os ossos possuem duas formas:

  • Plana (como as placas do crânio e as vértebras)

  • Tubular (como o fêmur e os ossos do braço, que são chamados ossos longos)

Alguns ossos tem uma combinação desses. Todos os ossos têm basicamente a mesma estrutura. A parte externa dura (osso cortical) consiste em grande parte de proteínas, como colágeno, e uma substância chamada hidroxiapatita, que é composta principalmente por cálcio e outros minerais. A hidroxiapatita é amplamente responsável pela força e densidade dos ossos. A parte interna dos ossos (osso trabecular) é menos rígida e menos densa do que a parte externa dura, mas ainda contribui significativamente para o fortalecimento dos ossos. A redução na quantidade ou qualidade do osso trabecular aumenta o risco de fraturas (quebras). A medula óssea é o tecido que preenche os espaços no osso trabecular. A medula óssea contém células especializadas (incluindo células-tronco) que produzem células sanguíneas. Os vasos sanguíneos fornecem sangue para o osso e nervos que o envolvem.

Você sabia que...

  • A estrutura óssea se ajusta ao longo da vida em resposta à atividade e ao esforço mecânico (por exemplo, exercícios de sustentação de peso).

Os ossos passam por um processo contínuo conhecido como remodelação ( Osteoporose). Nesse processo, o tecido ósseo velho é gradualmente substituído por tecido ósseo novo. Todos os ossos do corpo são completamente reformados a cada 10 anos. Para manter a densidade e a força ósseas, o corpo requer um fornecimento adequado de cálcio, outros minerais e vitamina D e deve produzir quantidades adequadas de vários hormônios, como hormônio da paratireoide, hormônio do crescimento, calcitonina, estrogênio e testosterona. Atividades físicas (por exemplo, musculação para as pernas) ajudam a fortalecer os ossos através da remodelação. Com a atividade e quantidades ideais de hormônios, vitaminas e minerais, o osso trabecular se desenvolve em uma complexa estrutura entrelaçada que é leve, porém resistente.

Os ossos são cobertos por uma fina membrana chamada periósteo. As lesões ósseas são doloridas devido aos nervos de “identificação” de dor localizados principalmente no periósteo. O sangue entra nos ossos através dos vasos sanguíneos que entram pelo periósteo.

OBS.: Esta é a versão para o consumidor. MÉDICOS: Clique aqui para a versão para profissionais
Clique aqui para a versão para profissionais
Obtenha o

Também de interesse

Vídeos

Visualizar tudo
Biópsia
Vídeo
Biópsia
Uma biópsia é um procedimento em que uma amostra de tecido é retirada do corpo para exame...
Modelos 3D
Visualizar tudo
Espondilite anquilosante
Modelo 3D
Espondilite anquilosante

MÍDIAS SOCIAIS

PRINCIPAIS