Manual MSD

Please confirm that you are not located inside the Russian Federation

Carregando

Membros ausentes ou incompletos

Por

Simeon A. Boyadjiev Boyd

, MD, University of California, Davis

Última revisão/alteração completa set 2017| Última modificação do conteúdo out 2017
Clique aqui para a versão para profissionais
OBS.: Esta é a versão para o consumidor. MÉDICOS: Clique aqui para a versão para profissionais
Clique aqui para a versão para profissionais
Recursos do assunto

Os membros podem estar ausentes, deformados ou apresentar desenvolvimento incompleto no nascimento.

Uma criança com uma anomalia de membro tem mais propensão de ter outra anomalia relacionada.

É possível que os membros se formem de maneira anômala. Os ossos da mão e do antebraço, por exemplo, podem estar faltando devido a um defeito genético (consulte Anomalias cromossômicas). O desenvolvimento normal de um membro pode também ser afetado no útero. Na síndrome da banda amniótica, os membros se desenvolvem de maneira anômala quando ocorre a constrição desses membros por filamentos de tecido do saco amniótico (o saco dentro do qual se encontra o líquido amniótico que rodeia o feto em desenvolvimento no útero). As anomalias dos membros também podem ser causadas por um teratógeno, que é uma substância nociva à qual a mãe foi exposta durante a gestação e que causa defeitos congênitos. O medicamento talidomida, que foi tomado por algumas gestantes no final da década de 1950 e no início da década de 1960 para combater o enjoo matinal, causou uma série de defeitos de membros, que costumavam incluir membros curtos, deformados e subdesenvolvidos com funcionamento limitado. Naquela época, os médicos não sabiam que a talidomida era um teratógeno e, dessa forma, vários bebês nasceram com membros ausentes ou incompletos. Nem sempre o médico consegue determinar a causa da formação anômala dos membros.

As anomalias dos braços e das pernas podem ocorrer de forma horizontal (o braço é mais curto que o normal, por exemplo) ou vertical (o braço é anormal do lado do polegar [do cotovelo ao polegar], mas normal do lado do dedo mínimo, por exemplo).

As crianças cujos ossos do antebraço estão subdesenvolvidos podem ter anomalias cardíacas e sanguíneas.

Com frequência, a criança consegue usar o membro malformado muito bem. Um membro artificial (prótese) pode com frequência ser instalado (em geral, quando a criança consegue se sentar independentemente) de maneira a facilitar o uso do membro.

OBS.: Esta é a versão para o consumidor. MÉDICOS: Clique aqui para a versão para profissionais
Clique aqui para a versão para profissionais
Obtenha o

Também de interesse

Vídeos

Visualizar tudo
Como tirar a temperatura de um bebê ou de uma criança
Vídeo
Como tirar a temperatura de um bebê ou de uma criança
Modelos 3D
Visualizar tudo
Fibrose cística pulmonar
Modelo 3D
Fibrose cística pulmonar

MÍDIAS SOCIAIS

PRINCIPAIS