Manual MSD

Please confirm that you are a health care professional

Carregando

Labirintite purulenta

Por

Lawrence R. Lustig

, MD,

  • Howard W. Smith Professor and Chair, Department of Otolaryngology–Head and Neck Surgery
  • Columbia University Medical Center and New York Presbyterian Hospital

Última modificação do conteúdo out 2018
Clique aqui para acessar Educação para o paciente

Labirintite purulenta (supurativa) é a infecção bacteriana da orelha interna, muitas vezes causando surdez e perda da função vestibular.

A labirintite purulenta costuma ocorrer quando as bactérias se disseminam para a orelha interna, durante o curso de otite média aguda grave, meningite purulenta, trauma que causa fratura por labirintite com infecção subsequente ou uma colesteatoma alargada.

Sinais e sintomas

Os sintomas da labirintite purulenta incluem

  • Vertigem e nistagmo graves

  • Náuseas e vômitos

  • Zumbido

  • Diferentes graus de perda auditiva condutiva podem ocorrer.

Dor e febre são comuns.

Diagnóstico

  • TC do osso temporal

  • Possivelmente RM

Suspeita-se de labirintite purulenta em caso de vertigem, nistagmo, perda auditiva neurossensorial ou uma combinação durante episódio de otite média aguda. A TC do osso temporal é realizada para identificar a erosão óssea da cápsula ótica ou outras complicações da otite média aguda, tais como mastoidite coalescente. Ressonância magnética pode ser indicada se sintomas de meningite ou abcesso cerebral, como estado mental alterado, meningismo ou febre alta estão presentes; nesses casos, uma punção lombar e hemoculturas também são feitas.

Tratamento

  • Antibióticos IV

  • Miringotomia

  • Às vezes, timpanostomia

O tratamento é com antibioticoterapia intravenosa apropriada para meningite (p. ex., ceftriaxona 50 a 100 mg/kg IV uma vez ao dia ao máximo de 2 g). A ceftazidima muitas vezes substitui a ceftriaxona em infecções nosocomiais para abranger P. aeruginosa. Os antibióticos são ajustados mais tarde de acordo com resultados dos testes de cultura e sensibilidade. A miringotomia (e às vezes colocação de tubos de ventilação) é feita para drenar a orelha média. Mastoidectomia pode ser necessária.

Clique aqui para acessar Educação para o paciente
OBS.: Esta é a versão para profissionais. CONSUMIDORES: Clique aqui para a versão para a família
Profissionais também leram

Também de interesse

MÍDIAS SOCIAIS

PRINCIPAIS