Manual MSD

Please confirm that you are not located inside the Russian Federation

Carregando

Formação das células sanguíneas

Por

Ravindra Sarode

, MD, The University of Texas Southwestern Medical Center

Última revisão/alteração completa jan 2018| Última modificação do conteúdo jan 2018
Clique aqui para a versão para profissionais
OBS.: Esta é a versão para o consumidor. MÉDICOS: Clique aqui para a versão para profissionais
Clique aqui para a versão para profissionais

Os glóbulos vermelhos, a maior parte dos glóbulos brancos e as plaquetas são produzidos na medula óssea, o tecido macio e gorduroso encontrado nas cavidades ósseas. Dois tipos de glóbulos brancos, as células T e B (linfócitos), também são produzidos nos linfonodos e no baço, e as células T são produzidas e amadurecem no timo. (Consulte também Considerações gerais sobre o sangue).

Dentro da medula óssea, todas as células sanguíneas se originam de um mesmo tipo de célula não especializada, denominada célula-tronco. Quando uma célula-tronco se divide, ela se torna primeiro um glóbulo vermelho, glóbulo branco ou célula produtora de plaquetas imatura. As células imaturas então se subdividem e amadurecem, convertendo-se, por fim, em glóbulos vermelhos, glóbulos brancos ou plaquetas maduras.

A velocidade da produção das células sanguíneas é controlada em função das necessidades do corpo. As células sanguíneas normais duram um tempo limitado (que pode ser de poucas horas a poucos dias, no caso dos glóbulos brancos, até 10 dias para as plaquetas e até 120 dias para os glóbulos vermelhos) e devem ser constantemente substituídas. Certos quadros clínicos podem desencadear uma produção adicional de células sanguíneas. Quando o teor de oxigênio dos tecidos corporais ou o número de glóbulos vermelhos diminui, os rins produzem e liberam eritropoietina, um hormônio que estimula a medula óssea a produzir mais glóbulos vermelhos. A medula óssea produz e libera mais glóbulos brancos em resposta a infecções. Ela produz e libera mais plaquetas em resposta a hemorragias

Efeitos do envelhecimento sobre o sangue

O envelhecimento tem certo efeito na medula óssea e nas células sanguíneas, resultando em menor quantidade de medula capaz de produzir células. Essa redução geralmente não causa problemas, mas pode causar quando o corpo apresenta aumento da demanda por células sanguíneas. A medula de uma pessoa mais idosa pode ser menos capaz de atender à elevação dessa demanda. Anemia é o resultado mais comum.

OBS.: Esta é a versão para o consumidor. MÉDICOS: Clique aqui para a versão para profissionais
Clique aqui para a versão para profissionais
Obtenha o

Também de interesse

Vídeos

Visualizar tudo
Leucemia linfocítica aguda
Vídeo
Leucemia linfocítica aguda
Dentro da área oca dos ossos, há um núcleo esponjoso chamado medula óssea. É aqui onde as...
Transfusão de plaquetas
Vídeo
Transfusão de plaquetas
O sangue que circula no corpo é constituído por diversos componentes: hemácias, que transportam...

MÍDIAS SOCIAIS

PRINCIPAIS