Manual MSD

Please confirm that you are not located inside the Russian Federation

honeypot link

Cistos de Baker

(Cistos de Baker; Cistos poplíteos)

Por

Deepan S. Dalal

, MD, MPH, Brown University

Avaliado clinicamente abr 2022
VISUALIZAR A VERSÃO PARA PROFISSIONAIS DE SAÚDE
Fatos rápidos

Os cistos de Baker são pequenas bolsas preenchidas com líquido articular (sinovial) que se formam em um segmento da cápsula articular atrás do joelho.

O cisto de Baker resulta do acúmulo de líquido articular que fica preso, havendo a formação de uma protuberância na cápsula da articulação atrás do joelho, como uma herniação. As causas do acúmulo de líquido articular incluem artrite reumatoide Artrite reumatoide (AR) A artrite reumatoide é uma artrite inflamatória em que as articulações, geralmente incluindo as das mãos e pés, ficam inflamadas, resultando em inchaço, dor e, geralmente, destruição das articulações... leia mais Artrite reumatoide (AR) , osteoartrite Osteoartrite (OA) A osteoartrite é uma doença crônica que danifica a cartilagem e os tecidos circundantes e caracteriza-se por dor, rigidez e perda da função. A artrite decorrente de lesões na cartilagem das... leia mais Osteoartrite (OA) , outras doenças inflamatórias das articulações e o uso excessivo dos joelhos. Os cistos de Baker causam, frequentemente, desconforto na parte de trás do joelho, mas frequentemente não causam sintomas. Os cistos podem aumentar e ficar do tamanho de uma bola de beisebol, bem como se estender em direção aos músculos da panturrilha.

O aumento rápido da quantidade e da pressão do líquido dentro do cisto pode rompê-lo. O líquido liberado pelo cisto pode fazer os tecidos adjacentes ficarem inflamados, resultando em sintomas que podem ser semelhantes aos provocados por um coágulo de sangue na panturrilha (trombose venosa profunda [TVP] Trombose venosa profunda (TVP) A trombose venosa profunda se caracteriza pela formação de coágulos de sangue (trombos) nas veias profundas, geralmente nas pernas. Coágulos de sangue podem se formar em veias lesionadas, um... leia mais Trombose venosa profunda (TVP) ). Além disso, uma protuberância ou ruptura do cisto de Baker raramente poderia de fato causar tromboflebite na veia poplítea (localizada atrás do joelho) por pressioná-la.

Diagnóstico do cisto de Baker

Tratamento do cisto de Baker

  • Medicamentos anti-inflamatórios não esteroides (AINEs)

  • Aspiração articular ou do cisto e injeção de corticosteroide

  • Às vezes, remoção cirúrgica do cisto

Quando a artrite causa inchaço crônico do joelho, o médico pode precisar remover o líquido com uma agulha (procedimento chamado aspiração articular Aspiração articular (artrocentese) Muitas vezes, o médico pode diagnosticar uma doença musculoesquelética a partir do histórico e dos resultados de um exame físico. Exames laboratoriais, exames de imagem ou outros procedimentos... leia mais Aspiração articular (artrocentese) ) e injetar um corticosteroide de ação prolongada (como triancinolona acetonida) para diminuir o tamanho do cisto ou prevenir a formação de um cisto de Baker. O médico também pode aspirar e injetar o cisto. A remoção cirúrgica do cisto é uma alternativa se outros tratamentos não forem eficazes.

Às vezes, os cistos se rompem e o líquido do cisto é reabsorvido pelo corpo. Se o cisto tiver se rompido, a dor é tratada com um AINE ou outro analgésico. Se a ruptura do cisto causar tromboflebite na veia poplítea, o tratamento inclui repouso, elevação da perna, compressas quentes e anticoagulantes (como varfarina).

OBS.: Esta é a versão para o consumidor. MÉDICOS: VISUALIZAR A VERSÃO PARA PROFISSIONAIS DE SAÚDE
VISUALIZAR A VERSÃO PARA PROFISSIONAIS DE SAÚDE
quiz link

Test your knowledge

Take a Quiz! 
ANDROID iOS
ANDROID iOS
ANDROID iOS
PRINCIPAIS