Manual MSD

Please confirm that you are a health care professional

honeypot link

Introdução a aspectos médicos de viagens

Por

Christopher Sanford

, MD, MPH, DTM&H, University of Washington

Última modificação do conteúdo nov 2018
Clique aqui para acessar Educação para o paciente

O planejamento e a preparação reduzem os riscos médicos das viagens, sobretudo riscos que envolvem viagens aéreas e viagens para países estrangeiros. Os viajantes devem levar seus fármacos, óculos ou outras lentes corretivas extras (assim como uma receita atual de cada um) e baterias para aparelhos auditivos em uma mala de mão, no caso de ocorrer perda, atraso ou roubo da bagagem. Os fármacos devem ser mantidos em seus frascos originais. Viajantes que necessitem transportar opiáceos, seringas e grandes quantidades de fármacos devem levar uma receita ou carta de seu médico para evitar complicações com a segurança ou a alfândega. Um resumo da história médica (incluindo eletrocardiograma para os que apresentam história cardíaca significativa) tem grande valor se o paciente adoecer. Viajantes portadores de doenças incapacitantes (p. ex., epilepsia) ou os que apresentam doenças crônicas devem utilizar um colar ou pulseira de identificação médica.

Clique aqui para acessar Educação para o paciente
OBS.: Esta é a versão para profissionais. CONSUMIDORES: Clique aqui para a versão para a família
Profissionais também leram

Também de interesse

Baixe o aplicativo  do Manual MSD! ANDROID iOS
Baixe o aplicativo  do Manual MSD! ANDROID iOS
Baixe o aplicativo  do Manual MSD! ANDROID iOS ANDROID iOS
PRINCIPAIS