Manual MSD

Please confirm that you are a health care professional

honeypot link

Dentição

Por

Christopher P. Raab

, MD, Sidney Kimmel Medical College at Thomas Jefferson University

Última modificação do conteúdo mai 2019
Clique aqui para acessar Educação para o paciente
Recursos do assunto

A dentição é o processo de erupção dos dentes através das gengivas.

A erupção do primeiro dente de uma criança geralmente ocorre aos 6 meses de idade, e um conjunto completo de 20 dentes decíduos geralmente se desenvolve em 2 anos e meio.

Antes da erupção de um dente, a criança pode chorar, ficar irrequieta, dormir e comer mal. Durante a erupção dentária, a criança pode salivar, apresentar gengivas vermelhas e sensíveis e mastigar constantemente objetos como brinquedos e grades do berço. A dentição não causa febre.

Tabela
icon

Épocas da erupção dentária

Dentes

Número

Idade da erupção*

Decíduos (total = 20)

Incisivos centrais inferiores

2

5–9 meses

Incisivos centrais superiores

2

8–12 meses

Incisivos laterais superiores

2

10–12 meses

Incisivos laterais inferiores

2

12–15 meses

1ºs molares

4

10–16 meses

Caninos

4

16–20 meses

Segundos molares

4

20–30 meses

Permanentes (total = 32)

1ºs molares

4

5–7 anos

Incisivos

8

6–8 anos

Bicúspides

8

9–12 anos

Caninos

4

10–13 anos

Segundos molares

4

11–13 anos

Terceiros molares

4

17–25 anos

*A idade na erupção varia significativamente.

Os molares são numerados da frente para trás da boca (ver Figura Identificação dos dentes).

Deve-se avaliar nas crianças febris e que são especialmente irrequietas infecção viral ou bacteriana, porque esses sintomas não são causados pela dentição.

Lactentes com erupcão da dentição obtêm algum alívio ao mastigar objetos duros (p. ex., bolachas de dentição) ou objetos frios (p. ex., borracha dura ou anéis de dentição contendo gel). Massagear as gengivas da criança com ou sem gelo também pode ajudar. Pode-se tratar as crianças com doses de paracetamol ou ibuprofeno com base no peso.

Géis de dentição não são recomendados porque não são mais eficazes do que outras medidas, e alguns contêm benzocaína. Raramente, a benzocaína pode causar metemoglobinemia.

Clique aqui para acessar Educação para o paciente
OBS.: Esta é a versão para profissionais. CONSUMIDORES: Clique aqui para a versão para a família
Profissionais também leram

Também de interesse

MÍDIAS SOCIAIS

PRINCIPAIS