Manual MSD

Please confirm that you are a health care professional

Carregando

Compressão do nervo plantar medial e lateral

Por

Kendrick Alan Whitney

, DPM, Temple University School of Podiatric Medicine

Última modificação do conteúdo abr 2018
Clique aqui para acessar Educação para o paciente
Recursos do assunto

O aprisionamento do nervo plantar medial e lateral consiste na compressão sintomática dos ramos mediais e/ou laterais do nervo tibial posterior no calcanhar medial e arco proximal. O diagnóstico é clínico. O tratamento envolve uso de órteses e imobilização.

Os sintomas da compressão do nervo plantar medial e lateral são dor quase constante, com e sem descarga de peso, o que ajuda a diferenciar da compressão do nervo plantar medial e lateral da fasciose plantar. A dor é costuma ser crônica, intratável e agravada por atividades de alto impacto, como correr. Contudo, o simples ato de ficar em pé costuma ser difícil. Queimação, falta de sensibilidade e parestesias estão normalmente ausentes.

Diagnóstico

  • Avaliação clínica

A compressão do nervo plantar medial e lateral pode ser confundida com fasciose plantar, esporão calcâneo e também com a síndrome do túnel do tarso. Em geral, na compressão do nervo plantar medial:

  • Outros sinais da síndrome do túnel tarsal (p. ex., sinal de Tinel) frequentemente estão ausentes.

  • Sintomas podem ser reproduzidos por palpação sobre a face proximal do abdutor do hálux, origem da fáscia plantar, ou ambos na fáscia plantar do tubérculo medial do calcâneo.

  • Com a compressão do nervo medial, há sensibilidade do arco medial proximal abaixo do osso navicular, algumas vezes com dor que se irradia para os dedos mediais.

  • Com a compressão do nervo plantar lateral, há sensibilidade ao longo da face medial plantar do calcanhar e do músculo abdutor do hálux.

Tratamento

  • Órtese, imobilização e fisioterapia

Imobilização e órteses para prevenir movimento irritante e pressão podem ser úteis, assim como fisioterapia e crioterapia. Se esses tratamentos não forem eficazes, a infiltração com um agente esclerosante que contem álcool ou a descompressão cirúrgica cuidadosa do nervo podem ajudar a aliviar a dor.

Clique aqui para acessar Educação para o paciente
OBS.: Esta é a versão para profissionais. CONSUMIDORES: Clique aqui para a versão para a família
Profissionais também leram

Também de interesse

MÍDIAS SOCIAIS

PRINCIPAIS