honeypot link

Manual MSD

Please confirm that you are not located inside the Russian Federation

Câncer de pele
Câncer de pele
Câncer de pele

A pele é o maior órgão do corpo. Ela tem muitas funções importantes, incluindo a de proteger o corpo contra infecções e regular a temperatura e os líquidos corporais.

A pele é formada principalmente por três camadas. A epiderme é a camada externa da pele e contém células basais e escamosas. Os melanócitos também são encontrados na epiderme; estes são células que contêm pigmento, o que permite que a pele se bronzeie, além de proteger as camadas mais profundas da pele contra os efeitos da exposição à luz UV do sol.

A derme, que está localizada abaixo da epiderme, contém vasos sanguíneos, tecido conjuntivo, folículos pilosos e glândulas sudoríparas. A camada subcutânea, que é a camada mais profunda da pele, contém células adiposas e colágeno.

O câncer de pele ocorre quando há um crescimento descontrolado de células anormais em uma camada da pele. Há três formas comuns de câncer de pele que se distinguem pelos tipos de células afetadas.

O carcinoma basocelular é a forma mais comum de câncer de pele. Este tipo de câncer de pele normalmente não se dissemina, mas requer tratamento. Os carcinomas basocelulares surgem com mais frequência em áreas da pele expostas ao sol.

Os carcinomas de células escamosas se desenvolvem na camada média da epiderme. Este tipo de câncer pode se espalhar e trazer risco à vida se não for tratado de forma adequada.

O crescimento anormal de melanócitos, chamado melanoma maligno, é a forma mais agressiva de câncer de pele. Os melanomas podem se espalhar rapidamente para outras partes do corpo e para os órgãos. Este tipo de câncer de pele pode ser fatal se não for detectado e tratado em seu estágio inicial. Pessoas com pele clara têm mais risco de desenvolver esta forma de câncer.

A maior exposição ao sol e um histórico de queimaduras solares aumentam o risco de desenvolver câncer de pele.