Manual MSD

Please confirm that you are not located inside the Russian Federation

honeypot link
Sintomas do linfoma não Hodgkin

Sintomas do linfoma não Hodgkin

Sintomas

Causa

Dificuldade em respirar

Inchaço do rosto

Aumento dos linfonodos do tórax.

Perda de apetite

Dor ou distensão abdominal por obstrução intestinal ou líquidos no abdômen

Aumento dos linfonodos do abdômen.

Células de linfoma bloqueando o fluxo de bile do fígado.

Diminuição da produção de urina

Bloqueio do fluxo urinário dos rins para a bexiga causado pelos linfonodos

Inchaço progressivo das pernas

Bloqueio dos vasos linfáticos da virilha ou do abdômen, causando linfedema.

Perda de peso

Diarreia

Flatulência

Crescimento de células do linfoma no interior ou ao redor do intestino delgado.

Falta de ar

Dor torácica

Tosse (indicando acúmulo de líquidos ao redor dos pulmões, chamado de derrame pleural)

Bloqueio dos vasos linfáticos do tórax.

Inchaço do rosto e do pescoço

Bloqueio dos vasos sanguíneos do tórax.

Áreas da pele espessas, escuras e com prurido

Células de linfoma se infiltrando na pele.

Perda de peso

Febre

Suores noturnos

A doença se espalhando pelo corpo.

Fadiga

Falta de ar

Palidez da pele (indicando anemia ou número muito reduzido de glóbulos vermelhos)

Uma ou mais das possibilidades a seguir ocorre:

  • Sangramento no trato digestivo

  • Destruição de glóbulos vermelhos por baço aumentado ou por anticorpos anormais

  • Invasão e destruição da medula óssea por células de linfoma

  • Incapacidade da medula óssea de produzir glóbulos vermelhos suficientes porque está danificada por tratamento (fármacos ou radioterapia)

Suscetibilidade para infecções bacterianas graves

Células de linfoma invadindo a medula óssea e os linfonodos, reduzindo a produção pelos anticorpos.