Manual MSD

Please confirm that you are not located inside the Russian Federation

honeypot link
Ciclo de vida do Echinococcus (tênia dos cães)
echinococcus_life_cycle_high_pt
Ciclo de vida do Echinococcus (tênia dos cães)
    • 1. A tênia dos cães adulta vive no intestino de cães e outros caninos (chamados os hospedeiros definitivos).

    • 2. As tênias adultas liberam ovos que são liberados nas fezes.

    • 3. Depois que os ovos são consumidos por outros animais (chamados hospedeiros intermediários), geralmente ovelhas, cabras, porcos, gado, cavalos, camelos ou pessoas, os ovos eclodem no intestino e liberam esferas (chamadas oncosferas) que contêm larvas de tênias. As esferas penetram na parede do intestino.

    • 4. Depois, as esferas deslocam-se pela corrente sanguínea para vários órgãos, como o fígado e os pulmões. Nesses órgãos, as esferas se desenvolvem em cistos que aumentam aos poucos e que, nas pessoas, podem causar sintomas. Dentro do cisto formam-se larvas (chamadas protoescólices) e cistos menores. Os cães e outros caninos (como raposas e coiotes) se infectam ao consumir cistos nos órgãos do hospedeiro intermediário infectado (como ovelhas, cabras ou porcos).

    • 5–6. Depois que os cães ou outros caninos consomem os cistos, estes liberam protoescólices que se prendem à parede do intestino e se desenvolvem em adultos.

Imagem por cortesia da biblioteca de imagens dos Centros de Controle e Prevenção de Doenças.