Manual MSD

Please confirm that you are not located inside the Russian Federation

honeypot link
Ciclo de vida do Onchocerca volvulus
onchocerca_volvulus_life_cycle_high_pt
Ciclo de vida do Onchocerca volvulus
    • 1. Uma mosca negra infectada pica uma pessoa e deposita larvas de Onchocerca na pele. As larvas penetram então na ferida da picada.

    • 2. As larvas se movem para os tecidos sob a pele (tecidos subcutâneos) e formam caroços (nódulos).

    • 3. As larvas se desenvolvem em vermes adultos nos nódulos. As fêmeas adultas podem viver até quinze anos nesses nódulos.

    • 4. Após acasalar, os vermes fêmeas maduros produzem ovos, os quais se desenvolvem em formas imaturas do verme chamadas microfilárias. Um verme pode produzir 1.000 microfilárias por dia. As microfilárias normalmente vivem na pele e nos vasos linfáticos, mas às vezes estão presentes na corrente sanguínea, na urina e no escarro.

    • 5. A infecção se dissemina quando uma mosca negra pica uma pessoa infectada e é infectada com as microfilárias.

    • 6. Depois que as microfilárias são ingeridas, elas se deslocam até a parte mediana do intestino (intestino médio) da mosca, depois para os músculos em sua seção mediana (músculos torácicos).

    • 7–8. Ali, as microfilárias se desenvolvem em larvas.

    • 9. As larvas se deslocam para as partes bucais (probóscide) da mosca e podem ser transmitidas para outras pessoas quando estas são picadas pela mosca.

Imagem por cortesia da biblioteca de imagens dos Centros de Controle e Prevenção de Doenças.

Nesses tópicos
oncocercose