Manual MSD

Please confirm that you are not located inside the Russian Federation

Ciclo de vida do Dracunculus medinensis
Ciclo de vida do   Dracunculus medinensis
Ciclo de vida do Dracunculus medinensis
  • 1. As pessoas se infectam ao beber água contendo minúsculos crustáceos infectados com larvas do Dracunculus.

  • 2. Depois que os crustáceos são engolidos, eles morrem e liberam as larvas que penetram na parede do estômago e do intestino e entram na cavidade abdominal. Ali as larvas amadurecem em vermes adultos que então se acasalam.

  • 3. Após o acasalamento, os vermes machos morrem e as fêmeas percorrem os tecidos sob a pele geralmente até a região inferior das pernas ou os pés. Cerca de um ano depois que as pessoas são infectadas, o verme fêmea fecundado vem à superfície da pele, criando uma bolha. A bolha causa desconforto com ardor intenso e acaba por romper-se.

  • 4. Quando as pessoas tentam aliviar o ardor enfiando a perna na água, o verme fêmea fecundado libera as larvas na água.

  • 5. As larvas são ingeridas por outro crustáceo.

  • 6. Dentro do crustáceo, as larvas mudam em diferentes formas e conseguem causar infecção. Quando as pessoas engolem os crustáceos, o ciclo se completa.

Imagem por cortesia da biblioteca de imagens dos Centros de Controle e Prevenção de Doenças.

Nesses tópicos
Dracunculíase