Manual MSD

Please confirm that you are not located inside the Russian Federation

Carregando

Agentes anticolinérgicos de guerra química

Por

James M. Madsen

, MD, MPH, U.S. Army Medical Research Institute of Chemical Defense (USAMRICD)

Última revisão/alteração completa mai 2019| Última modificação do conteúdo mai 2019
Clique aqui para a versão para profissionais
OBS.: Esta é a versão para o consumidor. MÉDICOS: Clique aqui para a versão para profissionais
Clique aqui para a versão para profissionais

Existem muitos tipos de agentes de guerra química que afetam diferentes partes do corpo. “Anticolinérgico” se refere a medicamentos que bloqueiam os efeitos da acetilcolina química (consulte Anticolinérgicos: o que isso significa?). A acetilcolina é uma substância que alguns nervos utilizam para enviar sinais aos músculos e a outros nervos (um neurotransmissor). Embora os medicamentos anticolinérgicos sejam usados para tratar o envenenamento por gases nervosos, eles podem ser usados como agentes incapacitantes. Os agentes incapacitantes foram concebidos não para causar lesões sérias ou a morte, mas para desorientar os militares e impedir que realizem suas missões. Um desses agentes chama-se BZ (agentes de guerra química normalmente têm um código com uma a três letras que é mais fácil de usar do que seu nome químico).

BZ é um sólido que pode persistir em um ambiente por 3 a 4 semanas. As baixas em massa resultariam da inalação de BZ em aerossol, embora o composto também possa ser dissolvido e colocado em uma superfície no ambiente a partir do qual pode ser absorvido pela pele.

Sintomas

As pessoas expostas ao BZ apresentam boca e pele secas, pupilas dilatadas (causando visão embaçada) e, geralmente, aumento da frequência cardíaca. Sua temperatura corporal pode ainda ficar perigosamente elevada (hipertermia). Elas podem ficar letárgicas e, então, desenvolvem alucinações nas quais veem ou ouvem coisas. As alucinações são geralmente concretas e fáceis de descrever (por exemplo, vozes de pessoas que conhecem, programas televisivos imaginários, compartilha de cigarros imaginários ou formas estranhas). A fala pode ficar de difícil compressão e as pessoas muitas vezes beliscam sua pele ou roupas. O estupor e o coma podem durar entre horas a dias, mas as pessoas recuperam aos poucos.

Diagnóstico

  • Avaliação de um médico

A exposição a BZ não pode ser detectada através de análises laboratoriais. Os médicos suspeitam de exposição nas pessoas que desenvolvam sintomas sem terem tomado um medicamento que possua efeitos colaterais anticolinérgicos

Tratamento

  • Baixar a temperatura corporal elevada

  • Fisostigmina contra a agitação e alucinações

As pessoas expostas a um agente anticolinérgico como BZ são normalmente calmas, mas podem tornar-se inoportunas e precisar ser contidas. Os médicos devem resfriar as pessoas que estão com a temperatura corporal elevada (consulte Hipertermia: tratamento). Eles administram fisostigmina às pessoas que sejam inoportunas ou estejam significativamente angustiadas pelas alucinações.

As opiniões expressas neste artigo são as do autor e não refletem a política oficial do Departamento do Exército, do Departamento da Defesa ou do governo dos EUA.

OBS.: Esta é a versão para o consumidor. MÉDICOS: Clique aqui para a versão para profissionais
Clique aqui para a versão para profissionais
Obtenha o

Também de interesse

Vídeos

Visualizar tudo
Terapia de células-tronco alogênicas
Vídeo
Terapia de células-tronco alogênicas
Células-tronco são células ímpares localizadas na medula óssea ou no sangue periférico capazes...
Modelos 3D
Visualizar tudo
Ruptura da coifa dos rotadores
Modelo 3D
Ruptura da coifa dos rotadores

MÍDIAS SOCIAIS

PRINCIPAIS