honeypot link

Manual MSD

Please confirm that you are not located inside the Russian Federation

Fatos rápidos

Puberdade tardia

Por

The Manual's Editorial Staff

Última revisão/alteração completa out 2019| Última modificação do conteúdo out 2019
Clique aqui para a versão para profissionais
Obtenha os detalhes completos

O que é puberdade tardia?

A puberdade é a última parte da infância, durante a qual meninos e meninas tornam-se sexualmente maduros. Eles desenvolvem características sexuais adultas e se tornam capazes de ter bebês. Os meninos desenvolvem pelos faciais e corporais, voz grossa e testículos maiores. As meninas desenvolvem seios e pelos púbicos. A puberdade normalmente começa entre 8 e 13 anos de idade nas meninas e entre 10 e 14 anos nos meninos.

A puberdade tardia é quando a puberdade começa mais tarde do que o esperado. A puberdade é retardada quando começa depois dos 13 anos de idade nas meninas e depois dos 14 anos de idade nos meninos.

  • Uma puberdade tardia pode ser normal, se muitas pessoas na sua família também iniciaram a puberdade tardiamente

  • Às vezes, a puberdade tardia é causada por problemas de saúde ou porque a criança recebeu radioterapia ou quimioterapia

  • Um sinal de puberdade tardia em meninos é a ausência de crescimento testicular aos 14 anos de idade

  • Os sinais de puberdade tardia em meninas incluem a ausência do desenvolvimento das mamas até os 13 anos de idade ou nenhuma menstruação até os 16 anos de idade

  • O tratamento depende da causa da puberdade tardia e os médicos podem receitar hormônios para a criança

O que causa a puberdade tardia?

A puberdade tardia pode ser uma diferença normal hereditária. A maior parte do tempo, crianças saudáveis com puberdade tardia terão um estirão de crescimento e acabarão alcançando as outras crianças da sua idade.

Às vezes, a puberdade tardia é causada por outro problema de saúde como:

Meninas que fazem dieta e se exercitam demais frequentemente apresentam puberdade tardia.

Quais são os sintomas da puberdade tardia?

A puberdade tardia é mais comum em meninos. Meninos com puberdade tardia geralmente:

  • Não apresentam crescimento dos testículos até os 14 anos de idade

  • São baixos

Meninas com puberdade tardia geralmente:

  • Ausência do desenvolvimento das mamas até os 13 anos de idade

  • Não apresentam menstruação até os 16 anos

As crianças podem sofrer bullying se tiverem puberdade tardia. É mais comum que isso aconteça com meninos.

Quando devo levar meu filho ou filha para ver um médico no caso de puberdade tardia?

  • Meninos sem nenhum sinal de puberdade devem consultar um médico até os 14 anos de idade

  • Meninas sem nenhum sinal de puberdade devem consultar um médico por volta de 12 a 13 anos de idade e garotas que não tiverem uma menstruação até os 16 anos de idade também devem consultar um médico

O médico do seu filho ou filha pode querer ver a criança a cada seis meses para ver se a puberdade foi iniciada.

Como os médicos sabem se meu filho ou filha tem puberdade tardia?

Os médicos diagnosticam puberdade tardia com base no desenvolvimento sexual da criança.

Para saber por que a puberdade está atrasada, os médicos perguntam sobre os hábitos alimentares da criança. Eles também solicitarão os seguintes exames:

  • Radiografias dos ossos da criança

  • Exames de sangue

  • Testes dos níveis hormonais

  • Às vezes, testes genéticos

  • Às vezes, RM para confirmar que não existe problema no cérebro ou hipófise

Como os médicos tratam a puberdade tardia?

Os médicos tratarão qualquer problema de saúde que esteja impedindo o início da puberdade.

As crianças com um desenvolvimento naturalmente tardio geralmente não precisam de nenhum tratamento. Se a puberdade tardia estiver causando muito estresse ou se continuar por um longo período de tempo, os médicos podem receitar hormônios sexuais. Os hormônios sexuais iniciarão a puberdade e ajudarão a criança a se desenvolver física e sexualmente.

Distúrbios genéticos não podem ser curados, mas tomar hormônios sexuais pode ajudar no desenvolvimento físico.

OBS.: Esta é a versão para o consumidor. MÉDICOS: Clique aqui para a versão para profissionais
Clique aqui para a versão para profissionais
Obtenha o

Também de interesse

MÍDIAS SOCIAIS

PRINCIPAIS