Manual MSD

Please confirm that you are not located inside the Russian Federation

honeypot link
Fatos rápidos

Vulvite

Por

The Manual's Editorial Staff

Última revisão/alteração completa set 2019| Última modificação do conteúdo set 2019
Clique aqui para a versão para profissionais
Obtenha os detalhes completos

O que é a vulvite?

Vulvite é a inflamação (inchaço, rubor) da vulva. Quando a inflamação ocorre tanto na vulva como na vagina, esse quadro clínico é chamado vulvovaginite.

A vulva é a área entre as pernas no exterior do corpo. A vagina conecta o útero (o local onde o bebê se desenvolve durante a gestação) até o exterior do corpo. Às vezes, ela é chamada de canal vaginal. Muitas pessoas erroneamente chamam a vulva de vagina.

O que causa a vulvite?

A vulvite pode ser causada por qualquer coisa que cause irritação na vulva, por exemplo:

Nas crianças, as infecções da vagina também podem afetar a vulva. Essas infecções podem ser causadas por micróbios das fezes ou outros micróbios.

Quais são os sintomas da vulvite?

Os sintomas mais comuns da vulvite são prurido (coceira) e dor na vulva. É também provável que a pele da vulva fique avermelhada em vez de ter um tom de pele saudável.

Em casos raros, ocorre adesão das dobras de pele na vulva (lábios vaginais).

A vulvite que dura muito tempo (crônica) pode causar manchas doloridas, escamosas, espessas ou esbranquiçadas na vulva.

Como o médico sabe que a mulher está com vulvite?

O médico faz perguntas sobre os sintomas e examina a vulva. O médico realiza um exame pélvico. Durante um exame pélvico, o médico primeiro examina a vulva e depois examina a vagina. Para poder ver dentro da vagina, o médico utiliza um pequeno instrumento chamado espéculo para mantê-la aberta.

Durante o exame, é possível que o médico utilize um cotonete para coletar uma amostra do líquido da vagina e do colo do útero (a parte inferior do útero que está situada acima da vagina) para enviá-la para ser examinada.

De que maneira o médico trata a vulvite?

Os tratamentos incluem:

  • Evitar o uso de sabonete, tecidos ou qualquer outra coisa que cause irritação à vulva

  • Tomar um banho de banheira frio com apenas uma quantidade suficiente de água para cobrir a vulva; também é possível acrescentar um pouco de bicarbonato de sódio ou de sulfato de magnésio na água para ajudar a diminuir a dor e o prurido (coceira)

  • Aplicar um creme medicado (por exemplo, um creme à base de hidrocortisona ou estrogênio) na vulva

Se a vulvite não melhorar com tratamento, os médicos costumam fazer uma biópsia (a coleta de uma amostra de pele da vulva). O médico tenta procurar por outro motivo que pode estar causando a vermelhidão e a irritação na vulva, como um distúrbio de pele ou câncer.

OBS.: Esta é a versão para o consumidor. MÉDICOS: Clique aqui para a versão para profissionais
Clique aqui para a versão para profissionais
Obtenha o
Baixe o aplicativo  do Manual MSD! ANDROID iOS
Baixe o aplicativo  do Manual MSD! ANDROID iOS
Baixe o aplicativo  do Manual MSD! ANDROID iOS

Teste os seus conhecimentos

Infecções do útero pós-parto
As infecções maternas que surgem após o parto do bebê, geralmente, começam no útero. Qual dos seguintes tipos de parto aumenta a probabilidade de desenvolver uma infecção uterina?
Baixe o aplicativo  do Manual MSD! ANDROID iOS
Baixe o aplicativo  do Manual MSD! ANDROID iOS
Baixe o aplicativo  do Manual MSD! ANDROID iOS

Também de interesse

Baixe o aplicativo  do Manual MSD! ANDROID iOS
Baixe o aplicativo  do Manual MSD! ANDROID iOS
Baixe o aplicativo  do Manual MSD! ANDROID iOS
PRINCIPAIS