Manual MSD

Please confirm that you are not located inside the Russian Federation

Carregando
Fatos rápidos

Infecções por vírus do herpes simples

Por

The Manual's Editorial Staff

Última revisão/alteração completa abr 2018| Última modificação do conteúdo abr 2018
Clique aqui para a versão para profissionais
Obtenha os detalhes completos

Existem oito tipos diferentes de herpesvírus. Ainda que o herpes simples seja apenas um desses tipos, a maioria das pessoas o chama simplesmente de “herpes”.

O que são infecções por vírus do herpes simples (herpes simplex virus, HSV)?

O herpes simples é uma infecção viral que causa uma erupção cutânea formada por bolhas pequenas e dolorosas que se transformam em ulcerações. As ulcerações desaparecem, mas o vírus permanece no corpo pelo resto da vida. O vírus pode se reativar e causar mais ulcerações.

  • A infecção pelo HSV geralmente causa ulcerações na boca ou nos genitais, mas às vezes infecta outras áreas do corpo, como os olhos, as pontas dos dedos das mãos e, raramente, o cérebro

  • O vírus dissemina-se pelo toque, incluindo por contato sexual e durante o nascimento se a vagina da mãe estiver infectada

  • A infecção por HSV pode ser mortal em bebês recém-nascidos e em pessoas com AIDS

  • Quando se tem um surto de herpes, os medicamentos antivirais podem atenuar os sintomas e fazer os vírus desaparecerem mais depressa

  • Usar preservativos durante as relações sexuais pode ajudar a prevenir a transmissão do herpes para outras pessoas

O que causa infecção por HSV?

Há dois tipos de vírus do herpes simples. Ambos são disseminados por contato físico com uma pessoa infectada.

O vírus do herpes simples se dissemina com muita facilidade, incluindo ao se:

  • Tossir

  • Beijar

  • Ter relações sexuais

  • Compartilhar objetos como toalhas ou lâminas de barbear com uma pessoa infectada

É mais provável contrair herpes de uma pessoa se ela tiver ulcerações. No entanto, as pessoas infectadas podem, por vezes, disseminar o vírus quando não têm ulcerações.

Se você estiver grávida e tiver herpes no interior ou ao redor da vagina, pode transmitir a infecção ao bebê durante o parto até mesmo se não tiver ulcerações.

Quais são os sintomas da infecção por HSV?

Muitas pessoas têm:

  • Herpes oral, que afeta os lábios ou o interior da boca

ou

  • Herpes genital, que afeta os genitais, incluindo o pênis, a pele no exterior da vagina, ou o interior da vagina

Herpes oral

Os sintomas de uma primeira infecção incluem:

  • Muitas ulcerações dolorosas na boca que persistem por dez a catorze dias e podem doer tanto que se perde a vontade de comer ou beber

  • Às vezes, febre, cefaleia ou dores no corpo

Quando o vírus se torna novamente ativo:

  • Primeiramente, sente-se o lábio coçar, arder ou formigar

  • Depois, uma ou mais ulcerações se formarão no canto da boca, geralmente no mesmo local em cada surto

  • A ulceração formará rapidamente uma crosta que cai depois de cerca de oito a doze dias

Às vezes, a ulceração labial é chamada “ulceração por resfriado” ou “bolha de febre”, pois muitas vezes é desencadeada por resfriados ou febres.

Se você adoece facilmente ou se estiver com o sistema imunológico debilitado, pode ter ulcerações que aumentam de tamanho e levam semanas para cicatrizar. Consulte o médico o quanto antes.

Herpes genital

Os sintomas de uma primeira infecção incluem:

  • Muitas ulcerações dolorosas no interior e ao redor da vagina, do pênis ou do ânus

  • Em mulheres, as ulcerações estão às vezes localizadas no interior da vagina – essas são menos dolorosas que as ulcerações na parte externa da vagina

  • Febre ou sensação de mal-estar

  • Ardência ao urinar

  • Dificuldade para urinar ou evacuar

Quando o vírus se torna novamente ativo, pode se manifestar:

  • Formigamento, coceira ou dor ao redor da vagina ou do pênis

  • Em poucos dias, surgem bolhas doloridas nessas áreas

As bolhas geralmente somem depois de uma semana. Se você adoece facilmente ou se estiver com o sistema imunológico debilitado, terá ulcerações que aumentam de tamanho e levam semanas para cicatrizar. Consulte o médico o quanto antes.

Herpes em outras áreas

  • Dedos: ponta do dedo da mão inchada, vermelha e dolorida (panarício herpético)

  • Olho: ulceração dolorosa na parte frontal transparente do olho (córnea), com lacrimejamento, sensibilidade à luz e visão embaçada (ceratite por herpes simples)

  • Cérebro: confusão, febre e convulsões resultantes de infecção cerebral séria (encefalite herpética)

Recém-nascidos infectados por herpes durante o parto (herpes simples neonatal) geralmente adoecem antes de atingirem 4 semanas de idade. Eles podem ter ulcerações por todo o corpo. Às vezes, o vírus infecta seu cérebro, causando convulsões, coma e morte. Herpes em recém-nascidos é perigoso e traz risco à vida. Mesmo com tratamento, muitos bebês morrem.

Como os médicos sabem se eu tenho uma infecção por HSV?

Os médicos geralmente sabem se alguém tem uma infecção por HSV, incluindo herpes oral ou herpes genital, com base nos sintomas. Para terem certeza, eles poderão:

  • Enviar líquido de uma ulceração a um laboratório para teste

  • Realizar exames de sangue

Como os médicos tratam infecção por HSV?

Os médicos não podem curar a infecção pelo HSV, mas os medicamentos antivirais podem ajudar a fazer os sintomas desaparecerem mais depressa.

  • Os medicamentos antivirais têm ação máxima quando são tomados ao primeiro sinal de formigamento ou desconforto, antes que as bolhas apareçam

  • Se você tiver ulcerações dolorosas frequentes, os médicos poderão prescrever um medicamento antiviral para ser usado diariamente (terapia supressora)

  • Se o olho estiver infectado, um médico de olhos (oftalmologista) administrará um colírio antiviral

Para ajudá-lo a se sentir melhor, os médicos poderão sugerir:

  • O uso de um creme ou pomada anestésica para ajudar a atenuar o desconforto das ulcerações

  • O uso de um analgésico (por exemplo, paracetamol ou ibuprofeno) se as ulceração forem muito dolorosas

  • Lavar a área suavemente com água e sabonete

  • Colocar gelo nas ulcerações

Como posso prevenir a transmissão de herpes oral ou genital?

Para prevenir a transmissão de herpes oral, ao sentir formigamento ou uma ulceração no lábio:

  • Não compartilhe copos

  • Não beije pessoas nem faça sexo oral

  • Não deixe que toquem em sua ulceração

Para evitar contrair ou transmitir herpes genital:

  • Use um preservativo sempre que tiver relações sexuais

Entretanto, como o herpes pode infectar áreas genitais que não estão cobertas pelos preservativos, estes não protegerão você totalmente.

Lembre-se de que é possível transmitir herpes para outras pessoas mesmo não tendo sintomas.

OBS.: Esta é a versão para o consumidor. MÉDICOS: Clique aqui para a versão para profissionais
Clique aqui para a versão para profissionais
Obtenha o

Também de interesse

MÍDIAS SOCIAIS

PRINCIPAIS