Manual MSD

Please confirm that you are not located inside the Russian Federation

Carregando
Fatos rápidos

Considerações gerais sobre infecções virais

Por

The Manual's Editorial Staff

Última revisão/alteração completa abr 2018| Última modificação do conteúdo abr 2018
Clique aqui para a versão para profissionais
Obtenha os detalhes completos
OBS.: Esta é a versão para o consumidor. MÉDICOS: Clique aqui para a versão para profissionais
Clique aqui para a versão para profissionais

Um vírus é um organismo vivo minúsculo. Os vírus são tão pequenos que podem ser vistos somente com os microscópios mais potentes. É por isso que eles são chamados micro-organismos (micro significa muito pequeno). Outros micro-organismos comuns incluem as bactérias.

Ao contrário das bactérias, os vírus não conseguem se reproduzir por si próprios. Portanto, quando os vírus entram no corpo, eles se apropriam de certas células e utilizam as estruturas presentes nessas células para fabricar mais cópias dos vírus. Isso geralmente danifica e depois destrói as células. No entanto, alguns vírus podem permanecer no interior das células por muito tempo sem destruí-las.

Existem milhares de vírus diferentes. Alguns vírus infectam as pessoas. Outros infectam somente animais. Somente uns poucos vírus conseguem infectar pessoas e também animais.

O que é uma infecção viral?

Uma infecção viral é uma doença causada por um vírus.

  • Os vírus podem entrar no corpo quando respiramos, ingerimos alimentos, temos relações sexuais ou quando somos picados por insetos, tais como um mosquito ou carrapato

  • Os vírus costumam infectar somente um tipo de célula, por exemplo, o vírus que causa o resfriado comum infecta somente as células do nariz, da boca e da garganta

  • Ao se contrair um vírus, os glóbulos brancos irão atacá-lo; essas células também se lembrarão de como combater esse mesmo vírus se ele entrar no corpo novamente.

  • Muitos vírus causam mal-estar logo depois que os contraímos e depois desaparecem

  • Alguns vírus não desaparecem e podem causar doença muito tempo depois de sermos infectados (por exemplo, o HIV e o herpesvírus)

  • Os antibióticos, usados para tratar infecções bacterianas, não conseguem tratar infecções virais

Certos vírus alteram a forma como as células funcionam, o que pode resultar em câncer. Por exemplo, os vírus da hepatite B e C podem causar câncer do fígado. O HPV (papilomavírus humano) pode causar câncer de colo de útero.

Como os médicos sabem se eu tenho infecção viral?

Os médicos sabem se você tem certas infecções virais comuns com base nos sintomas. Eles também podem fazer:

  • Exames de sangue

  • Culturas (quando os médicos coletam uma amostra de algum material do corpo e tentam cultivar os germes desse material em laboratório)

Como os médicos tratam infecções virais?

Em geral, não há muito o que os médicos possam fazer para tratar inúmeros vírus. Eles indicam principalmente medicamentos para tratar os sintomas e aliviar o desconforto. Por exemplo, se o nariz estiver congestionado, os médicos podem sugerir um descongestionante.

Para alguns vírus, os médicos podem prescrever um medicamento antiviral. Os medicamentos antivirais são usados somente para uns poucos vírus, incluindo:

  • Vírus da hepatite

  • herpesvírus

  • HIV

  • Influenza (gripe)

Antibióticos são medicamentos que matam bactérias. Os antibióticos não matam vírus.

Como posso prevenir infecções virais?

  • Cuide bem de sua saúde, por exemplo, lave frequentemente as mãos com água e sabonete e pratique sexo seguro.

  • Tome as vacinas recomendadas

As vacinas são substâncias que ensinam ao sistema imunológico como combater certas infecções. Geralmente tomamos vacinas antes da exposição a uma infecção. Mas, no caso de alguns vírus, podemos tomar a vacina depois de sermos expostos à infecção. Essas vacinas contêm anticorpos (imunoglobulinas) que ajudam a combater os vírus. Por exemplo, há vacinas contendo imunoglobulina contra:

  • Hepatite

  • Raiva

OBS.: Esta é a versão para o consumidor. MÉDICOS: Clique aqui para a versão para profissionais
Clique aqui para a versão para profissionais
Obtenha o

Também de interesse

MÍDIAS SOCIAIS

PRINCIPAIS