Manual MSD

Please confirm that you are not located inside the Russian Federation

Carregando

Óleo de peixe

Por

Laura Shane-McWhorter

, PharmD, University of Utah College of Pharmacy

Última revisão/alteração completa fev 2019| Última modificação do conteúdo fev 2019
Clique aqui para a versão para profissionais
OBS.: Esta é a versão para o consumidor. MÉDICOS: Clique aqui para a versão para profissionais
Clique aqui para a versão para profissionais

O óleo de peixe pode ser extraído diretamente ou concentrado e colocado na forma de cápsula. Os princípios ativos são os ácidos graxos ômega-3 (eicosapentaenoico [EPA] e o ácido docosaexaenoico [DHA]).

As dietas ocidentais normalmente têm baixos índices de ácidos graxos ômega-3. Outras fontes de ácidos graxos ômega-3 não derivadas de peixe são nozes e óleo de semente de linhaça.

Indicações medicinais

O óleo de peixe é usado para a prevenção e o tratamento de doença arterial coronariana. Evidência anterior mostrou que o óleo de peixe provavelmente diminui a incidência de ataques cardíacos e morte causados por ritmos cardíacos anormais em pessoas com doença arterial coronariana. O óleo de peixe também pareceu diminuir os níveis sanguíneos de triglicerídeos, um fator de risco para a doença arterial coronariana. Doses mais elevadas de óleo de peixe também podem diminuir o risco de apresentar doença arterial coronariana e insuficiência cardíaca sem reduzir a pressão arterial. A evidência mais recente mostrou que tomar óleo de peixe por mais de quatro anos não reduziu a incidência de doença arterial coronariana ou de outros eventos cardiovasculares. O óleo de peixe pode ajudar a prevenir a toxicidade nos rins provocada pelo medicamento ciclosporina. Os suplementos de óleo de peixe são usados também para tratar artrite reumatoide. No entanto, as evidências científicas que oferecem suporte a qualquer benefício são inconclusivas.

Possíveis efeitos colaterais

Eructação com gosto de peixe, exacerbação da acne, náusea e diarreia podem ocorrer. Alguns estudos sugerem que muito óleo de peixe pode provocar hemorragia, mas outros não mostram uma relação clara. Embora alguns peixes contenham quantidades excessivas de mercúrio, os testes em laboratório não mostram, consistentemente, mercúrio em excesso nos suplementos de óleo de peixe. Mesmo assim, com base em efeitos colaterais documentados, mulheres grávidas ou em fase de amamentação não devem tomar suplementos de ácidos graxos de ômega-3 extraídos de peixe e deverão limitar a ingestão de certos tipos e quantidades de peixe, devido ao risco potencial de contaminação por mercúrio.

Possíveis interações medicamentosas

Pessoas que estão tomando medicamentos anti-hipertensivos não devem tomar óleo de peixe, uma vez que ele pode baixar a pressão arterial além do desejado. O óleo de peixe pode aumentar o efeito anticoagulante da varfarina; assim, as pessoas que tomam varfarina devem evitar óleo de peixe.

Mais informações

OBS.: Esta é a versão para o consumidor. MÉDICOS: Clique aqui para a versão para profissionais
Clique aqui para a versão para profissionais
Obtenha o

Também de interesse

Vídeos

Visualizar tudo
Exame de tomografia computadorizada (TC)
Vídeo
Exame de tomografia computadorizada (TC)
Um exame de TC é utilizado para detectar lesão em ossos e tecidos moles. Durante o procedimento...
Como proteger sua saúde enquanto viaja para o exterior
Vídeo
Como proteger sua saúde enquanto viaja para o exterior

MÍDIAS SOCIAIS

PRINCIPAIS