Manual MSD

Please confirm that you are a health care professional

honeypot link

Hiponatremia neonatal

Por

Kevin C. Dysart

, MD, Perelman School of Medicine at the University of Pennsylvania

Última modificação do conteúdo dez 2018
Clique aqui para acessar Educação para o paciente
Recursos do assunto

Hiponatremia é a concentração de sódio sérico < 135 mEq/L (> 135 mmol/L). Hiponatremia significativa pode provocar convulsões ou coma. O tratamento consiste na reposição cautelosa de sódio com soro fisiológico a 0,9% IV; soro fisiológico a 3% é raramente necessária, particularmente se estiverem ocorrendo convulsões.

(Hiponatremia em adultos é discutida em outras partes.)

Etiologia

A causa mais frequente de hiponatremia neonatal é a desidratação hipovolêmica provocada por vômitos, diarreia ou ambos. Quando os líquidos perdidos são repostos com líquidos com pouco ou nenhum sódio (p. ex., alguns sucos), pode ocorrer hiponatremia.

A causa menos frequente é a hiponatremia euvolêmica, provocada por secreção inapropriada de hormônio antidiurético (ADH) e consequente retenção de água. Causas possíveis da secreção inapropriada de ADH incluem hemorragia intracraniana, infecção do SNC e, raramente, tumores do SNC. Igualmente, a hiperdiluição das fórmulas alimentares do lactente também pode provocar intoxicação aquosa.

Finalmente, a hiponatremia hipervolêmica ocorre nas situações de retenção aquosa e retenção de sódio em excesso, como acontece nas insuficiências cardíaca e renal.

Sinais e sintomas

Os sinais e sintomas da hiponatremia neonatal incluem náuseas, vômitos, apatia, cefaleia, convulsões, hipotermia, fraqueza e coma. Lactentes com desidratação hiponatrêmica podem parecer bastante enfermos, porque a hiponatremia causa reduções desproporcionadas no volume extracelular (VEC). Os sinais e sintomas estão relacionados com a duração e o grau da hiponatremia.

Diagnóstico

  • Concentração de sódio no soro

A suspeita diagnóstica da hiponatremia em recém-nascidos recai sobre os sinais e sintomas e sobre a medida do sódio no soro. Na desidratação, pode-se observar aumento do BUN.

Tratamento

  • Glicose a 5%/0,45% a 0,9% de soro fisiológico IV

  • Raramente soro fisiológico hipertônica (3%) IV

O tratamento da hiponatremia em recém-nascidos é feito com glicose a 5%/0,45% a 0,9% de solução salina IV em volumes iguais aos calculados do deficit, administrado em vários dias até corrigir o sódio para não mais que 10 a 12 mEq/L/dia (10 a 12 mmol/L/dia) para evitar a rápida transferência de líquidos para o cérebro. Neonatos com hiponatremia hipovolêmica exigem expansão de volume, utilizando soro fisiológico para corrigir o deficit de sódio [10 a 12 mEq/kg (10 to 12 mmol/kg) do peso corporal ou mesmo 15 mEq/kg (15 mmol/kg) em lactentes com hiponatremia grave] e incluem necessidades de manutenção de sódio [3 mEq/kg/dia (3 mmol/kg/dia) em solução de glicose a 5%]. Lactentes com hiponatremia sintomática (p. ex., letargia, confusão) necessitam de tratamento de emergência com soro fisiológico a 3% IV para prevenir convulsões ou coma.

Clique aqui para acessar Educação para o paciente
OBS.: Esta é a versão para profissionais. CONSUMIDORES: Clique aqui para a versão para a família
Profissionais também leram

Também de interesse

Baixe o aplicativo  do Manual MSD! ANDROID iOS
Baixe o aplicativo  do Manual MSD! ANDROID iOS
Baixe o aplicativo  do Manual MSD! ANDROID iOS ANDROID iOS
PRINCIPAIS