Manual MSD

Please confirm that you are a health care professional

Carregando

Transplante de células das ilhotas pancreáticas

Por

Martin Hertl

, MD, PhD, Rush University Medical Center

Última modificação do conteúdo ago 2018
Clique aqui para acessar Educação para o paciente

O transplante de células das ilhotas pancreáticas (no fígado do receptor) tem vantagens teóricas sobre o transplante de pâncreas: o mais importante é que o procedimento é menos invasivo. A segunda vantagem é que as células das ilhotas transplantadas parecem ajudar a manter a normoglicemia em pacientes que precisam realizar pancreatectomia total devido a dor por pancreatite crônica. No entanto, o procedimento ainda está em desenvolvimento, embora melhorias constantes pareçam estar ocorrendo.

Sua desvantagem é que as células alfa secretoras de glucagon não são funcionais (o que possivelmente complica a hipoglicemia) e são necessários vários pâncreas para um único receptor isolado de transplante de ilhotas (aumentando a disparidade entre a oferta e a demanda de enxertos e restringido a indicação do procedimento).

As indicações são as mesmas dos transplantes de pâncreas. O transplante simultâneo de células da ilhota e rim pode ser desejável após a melhora da técnica.

Procedimento

O pâncreas é removido de um doador com morte cerebral; infunde-se colagenase no ducto pancreático para separar as ilhotas do tecido pancreático. Uma fração purificada de células é infundida por via percutânea na veia porta através da punção direta dessa veia ou por um ramo da veia mesentérica. As células das ilhotas são transportadas nos sinusoides hepáticos, onde se alojam e secretam insulina.

Os resultados são melhores quando se utilizam 2 a 3 infusões de células de ilhotas de 2 cadáveres, seguidas de esquema de imunossupressão com anticorpo anti-IL-2 (basilimabe), tacrolimo e sirolimo (protocolo de Edmonton); os corticoides são raramente usados por causarem hiperglicemia. A imunossupressão deve ser mantida continuamente por toda a vida, ou até a função da ilhota cessar.

Complicações

A rejeiçãonão está bem definida, mas pode ser detectada pela deterioração do controle glicêmico e aumento na hemoglobina glicosilada (hemoglobina A1c); o tratamento da rejeição ainda não foi estabelecido.

Complicações do procedimento incluem punção hepática percutânea com sangramento, trombose de veia porta e hipertensão portal.

Prognóstico

O transplante de ilhota bem-sucedido mantém a normoglicemia a curto prazo, mas os resultados a longo prazo são desconhecidos; injeções adicionais de preparados de ilhotas são necessárias para a manutenção da independência de insulina por período prolongado.

Clique aqui para acessar Educação para o paciente
OBS.: Esta é a versão para profissionais. CONSUMIDORES: Clique aqui para a versão para a família
Profissionais também leram

Também de interesse

Vídeos

Visualizar tudo
Visão geral da função das células B e T
Vídeo
Visão geral da função das células B e T
Há duas classes principais de linfócitos responsáveis por defesas específicas: as células...
Visão geral da imunidade mediada por anticorpos
Vídeo
Visão geral da imunidade mediada por anticorpos
A imunidade mediada por anticorpos envolve a ativação de são B e a secreção de anticorpos...

MÍDIAS SOCIAIS

PRINCIPAIS