honeypot link

Manual MSD

Please confirm that you are a health care professional

Dacriocistite

Por

James Garrity

, MD, Mayo Clinic College of Medicine

Última modificação do conteúdo mai 2019
Clique aqui para acessar Educação para o paciente
Recursos do assunto

Dacriocistite é infecção do saco lacrimal que às vezes leva à formação de abcessos. A causa comum é uma espécie estafilocócica ou estreptocócica, tipicamente como consequência da obstrução do ducto nasolacrimal.

Na dacriocistite aguda, o paciente refere dor, hiperemia e edema na região do saco lacrimal. A suspeita diagnóstica é feita com base em sinais e sintomas e quando a compressão do saco lacrimal causa refluxo de material e secreção pelo ponto lacrimal. O tratamento inicial é feito com aplicação frequente de compressas quentes e antibiótico oral para casos leves ou antibiótico intravenoso para casos graves. O antibiótico é normalmente cefalosporina de 1ª geração ou penicilina sintética resistente a penicilinase. Se a infecção não responder como esperado, deve-se considerar Staphylococcus aureus resistente à meticilina (MRSA) e alterar a prescrição de antibióticos. O abscesso pode ser drenado e o antibiótico mudado após a avaliação dos resultados de cultura e antibiograma, se caso os antibióticos não mostrarem resultados.

Pacientes com diacriocistite normalmente apresentam uma massa sob o tendão cantal medial e conjuntivite crônica. O tratamento definitivo para resolução do quadro normalmente é cirúrgico, quando é criada uma passagem entre o saco lacrimal e a cavidade nasal (dacriocistorrinostomia).

Anatomia do sistema lacrimal

Anatomia do sistema lacrimal
Clique aqui para acessar Educação para o paciente
OBS.: Esta é a versão para profissionais. CONSUMIDORES: Clique aqui para a versão para a família
Profissionais também leram

Também de interesse

MÍDIAS SOCIAIS

PRINCIPAIS