Manual MSD

Please confirm that you are not located inside the Russian Federation

honeypot link
Diabetes mellitus
Diabetes mellitus
Diabetes mellitus

Durante o processo digestivo, uma grande parte dos alimentos consumidos é convertida em glicose, normalmente conhecida como açúcar no sangue. A glicose circula na corrente sanguínea e é usada para alimentar as células do organismo. Contudo, as células não conseguem absorver glicose por si próprias. Um hormônio chamado insulina, que é produzido no pâncreas, precisa primeiro se ligar à superfície da célula. Quando isso ocorre, as células do organismo são ativadas e conseguem absorver a glicose. Esse processo faz com que a glicose no sangue do organismo volte a um nível normal. Diabetes mellitus é um distúrbio que afeta a capacidade do organismo de utilizar glicose no sangue de maneira eficaz. No diabetes tipo 1, o pâncreas não produz uma quantidade suficiente de insulina e, assim, a glicose não pode ser absorvida para realimentar as células. No diabetes tipo 2, a insulina é produzida, mas ela não funciona corretamente e a glicose não é absorvida de maneira consistente pelas células. Ambos os tipos de diabetes têm os mesmos resultados: a glicose não é absorvida pelas células. É por isso que as pessoas com diabetes têm concentrações elevadas de glicose no sangue. Sem a absorção adequada da glicose da corrente sanguínea, as células estão morrendo de fome. Independentemente de qual tipo de diabetes a pessoa tem, as pessoas com diabetes precisam monitorar suas concentrações de glicose no sangue. Dependendo do tipo e da gravidade da doença, o diabetes pode ser controlado com dieta ou com medicação.