Manual MSD

Please confirm that you are not located inside the Russian Federation

honeypot link
Algumas causas e características da secreção do ouvido

Algumas causas e características da secreção do ouvido

Causa

Características comuns*

Diagnóstico†

Secreção aguda (com duração de menos de 6 semanas)

Dor de ouvido intensa que é aliviada significativamente quando começa a sair do ouvido uma secreção espessa e esbranquiçada

Exame médico

Otite média crônica (surto agudo)

Histórico de perfuração do tímpano e/ou colesteatoma (um tumor não canceroso de células epiteliais no ouvido médio) e secreção prévia

O tímpano parece anormal ao exame médico

Exame médico

Algumas vezes, TC de alta resolução do osso temporal

Líquido cefalorraquidiano vazando, decorrente de traumatismo craniano grave ou neurocirurgia recente

Traumatismo craniano ou neurocirurgia notadamente recentes

O líquido varia de cristalino a sanguinolento

Estudos de imagem, como TC de crânio incluindo base do crânio ou RM com gadolínio

Otite externa (infecciosa ou alérgica)

Infecciosa: Geralmente, após natação ou lesão; dor intensa, que piora quando se puxa a orelha

Alérgica: Geralmente, depois de usar gotas otológicas, mais coceira e vermelhidão e menos dor do que num processo infeccioso.

Erupção típica no lóbulo da orelha, onde as gotas otológicas pingaram fora do canal auditivo

Ambas: O canal auditivo apresenta vermelhidão, edema e se encontra cheio de detritos; o tímpano parece normal

Exame médico

Secreção crônica (duração por mais de 6 semanas)

Secreção geralmente sanguínea, dor leve

Algumas vezes, o médico consegue ver uma tumoração no canal auditivo

Geralmente em pessoas mais idosas

Remoção e exame (biópsia) do tecido do ouvido

Geralmente TC e RM

Histórico de infecções do ouvido e, habitualmente, perfuração do tímpano e/ou colesteatoma

Menos dor do que na otite externa

O tímpano parece anormal ao exame médico

Exame médico

Geralmente tumor e exame de uma amostra da secreção do ouvido (cultura)

Geralmente, em crianças

Secreção com mau cheiro, cheia de pus (purulenta)

Corpo estranho normalmente visível durante o exame, a não ser quando a visibilidade é bloqueada por edema e/ou secreção

Exame médico

Frequentemente, febre, histórico de otite média não tratada ou mal curada

Vermelhidão, sensibilidade sobre o mastoide

Exame médico

Às vezes, TC

Normalmente as pessoas têm imunodeficiência ou diabetes

Dor crônica intensa

Edema e sensibilidade ao redor do ouvido, tecido anômalo no canal auditivo

Às vezes, flacidez dos músculos faciais no lado afetado

TC ou RM

* As características incluem os sintomas e os resultados do exame médico. As características mencionadas são típicas, mas nem sempre estão presentes.

† Embora um exame médico seja sempre realizado, ele só é mencionado nesta coluna se o diagnóstico puder ser feito, algumas vezes, somente pelo exame médico por si só, sem qualquer outro exame. Em outras palavras, exames adicionais podem não ser necessários.

TC = tomografia computadorizada; RM = ressonância magnética.