Manual MSD

Please confirm that you are not located inside the Russian Federation

honeypot link
Algumas causas e características da fraqueza muscular

Algumas causas e características da fraqueza muscular

Causa

Características comuns*

Exames

Distúrbios no cérebro

Cefaleias, alterações de personalidade, confusão, dificuldade de concentração, sonolência, perda de equilíbrio e coordenação, e paralisia ou dormência

Às vezes, convulsões

RM ou TC do cérebro

Esclerose múltipla (afeta o cérebro, a medula espinhal ou ambos)

Em geral, outros sintomas de mau funcionamento do sistema nervoso (como perda de sensibilidade, perda de coordenação e problemas de visão)

Fraqueza que

  • Tende a ir e vir

  • Às vezes afeta diferentes partes do corpo

  • Piora no calor

RM do cérebro e às vezes da medula espinhal

Algumas vezes uma punção lombar (punção na coluna vertebral)

Sintomas que ocorrem repentinamente:

  • Fraqueza ou paralisia, geralmente em um lado do corpo

  • Anormalidades ou perda de sensibilidade em um lado do corpo

  • Dificuldade para falar, às vezes com discurso pronunciado indistintamente

  • Confusão

  • Obscurecimento, visão turva ou perda da visão, em particular em um olho.

  • Tontura ou perda de equilíbrio e coordenação

Exame médico

TC ou RM do cérebro

Distúrbios da medula espinhal

Mielite transversa aguda (inflamação súbita da medula espinhal), muitas vezes devido a

Formigamento, dormência e fraqueza muscular que

  • Ocorre rapidamente (em poucas horas ou dias)

  • Começa nos pés e sobe

Em geral, uma tensão parecida a uma faixa em volta do peito ou abdômen

Muitas vezes dificuldade para urinar

Quando uma lesão é grave, perda de controle da bexiga e do intestino e/ou resposta sexual reduzida, incluindo disfunção erétil em homens

RM ou TC da medula espinhal

Punção lombar

Exames de sangue para ajudar a identificar a causa

Síndrome de cauda equina, causada por pressão em diversas raízes nervosas espinhais, como resultado de

Fraqueza nas duas pernas

Perda de sensibilidade na parte interior superior das coxas, nas nádegas, bexiga, genitais e na área entre eles (área de sela)

Em geral, dor lombar

Perda de controle da bexiga e do intestino e/ou resposta sexual reduzida, incluindo disfunção erétil em homens

RM ou TC da medula espinhal

Compressão da medula espinhal que se desenvolve repentinamente (aguda), que pode ocorrer por

  • Abscessos (bolsas de pus)

  • Hematomas (bolsas de sangue)

  • Lesões no pescoço ou costas

  • Alguns tipos de câncer

Sintomas que se desenvolvem em horas ou dias

Fraqueza ou paralisia das pernas e às vezes braços e perda de sensibilidade

Com abscessos ou tumores, sensibilidade ao toque na área comprimida

RM ou TC da medula espinhal

Compressão da medula espinhal que se desenvolve lentamente (crônica), como resultado de

  • Espondilose cervical (degeneração dos discos vertebrais devido a artrite)

  • Estenose espinhal (restrição da passagem da medula espinhal) devido a artrite

  • Alguns tumores

Sintomas que estão presentes por semanas a meses

Quando uma lesão é grave, perda de controle da bexiga e do intestino e/ou resposta sexual reduzida, incluindo disfunção erétil em homens

RM ou TC da medula espinhal

Compressão de um nervo espinhal por um disco que sofreu ruptura

Fraqueza, dormência ou ambos em uma perna ou braço

Em geral, dor nas costas ou pescoço que desce para a perna ou o braço

Em geral, RM ou TC da medula espinhal

Em geral, eletromiografia (estímulo de músculos e registro da atividade elétrica)

Às vezes, estudos de condução nervosa (medem a velocidade em que os nervos transmitem sinais)

Esclerose múltipla (afeta o cérebro, a medula espinhal ou ambos)

Em geral, outros sintomas de mau funcionamento do sistema nervoso (como perda de sensibilidade, perda de coordenação e problemas de visão)

Fraqueza que

  • Tende a ir e vir

  • Às vezes afeta diferentes partes do corpo

  • Piora no calor

RM do cérebro e da medula espinhal

Às vezes, punção lombar

Distúrbios que afetam os nervos periféricos e o cérebro ou a medula espinhal§

Fraqueza muscular progressiva que

  • Muitas vezes começa nas mãos

  • Às vezes afeta um lado mais do que o outro

Alterações da coordenação motora, contrações musculares involuntárias e cãibras musculares

Emissão de saliva e dificuldade em falar e engolir

Conforme a doença progride, dificuldade para respirar e consequentemente morte

Eletromiografia e às vezes estudos de condução nervosa

Muitas vezes RM da medula espinhal para excluir doenças da medula espinhal que podem causar sintomas semelhantes

Músculos que se cansam facilmente e fraqueza muscular progressiva

Às vezes, contração muscular e perda de tecido muscular

Em pessoas que tiveram poliomielite

Eletromiografia e às vezes estudos de condução nervosa

Distúrbios que afetam simultaneamente muitos nervos (polineuropatias)

Fraqueza e muitas vezes perda de sensibilidade que

  • Em geral, começa nas duas pernas

  • E progride para cima, em direção aos braços

Quando grave, dificuldade para engolir e respirar

Eletromiografia e estudos de condução nervosa

Punção lombar

Dano neural causado por

Fraqueza muscular que

  • Muitas vezes começa nos pés

  • E afeta as mãos

  • Então, progride para pernas e braços

Perda da sensibilidade, tipicamente antes de os músculos ficarem fracos

Perda de reflexos

Eletromiografia e estudos de condução nervosa

Outros testes dependendo do problema sob suspeita, como

  • Exame de urina para verificar a presença de toxinas

  • Exames de sangue para verificar a presença anticorpos específicos ou medir os níveis de açúcar, vitamina ou de um medicamento

  • Às vezes, punção lombar

Desgaste muscular (atrofia)

Às vezes, perda de reflexos

Perda da sensibilidade, incluindo a capacidade de sentir posição dos membros, vibração, dor e temperatura

Eletromiografia e estudos de condução nervosa

Exames genéticos

Doenças que afetam as conexões entre nervos e músculos (doenças de ligação neuromuscular)

Botulismo (devido às bactérias Clostridium botulinum)

No início, muitas vezes boca seca, pálpebras pesadas, problemas de visão (como visão em dobro), dificuldade para engolir e falar e fraqueza muscular rapidamente progressiva, muitas vezes começando no rosto e descendo para o corpo

Quando um alimento contaminado é a fonte, náusea, vômito, cólicas de estômago e diarreia

Nenhuma alteração na sensibilidade

Exames de sangue e fezes para verificar a presença de toxinas produzidas pelas bactérias

Às vezes, eletromiografia

Às vezes, exame de fezes para verificar a presença de bactérias

Pálpebras fracas e pesadas, visão dobrada, dificuldade para falar e engolir e fraqueza nos braços e pernas

Fraqueza excessiva dos músculos afetados que

  • Ocorre após os músculos serem usados

  • Desaparece quando estão descansados

  • Ocorre quando são usados novamente

Uso de um medicamento (teste do edrofônio) para verificar se a força muscular melhora após o uso do músculo

Exames de sangue para verificar a presença anticorpos e/ou eletromiografia

Olhos lacrimejando, visão nublada, salivação elevada, sudorese, tosse, vômito, evacuações e urinação frequentes e músculos fracos que tremem

Exame médico

Às vezes, exame de sangue para identificar a toxina

Toxina botulínica quando uma dose que é muito elevada é utilizada para tratar distonia ou outros espasmos musculares

Fraqueza dos músculos tratados ou, algumas vezes, de todos os músculos

Exame médico

Distúrbios que afetam músculos (miopatias)§

Mau funcionamento muscular devido a uso de álcool, corticosteroides ou vários outros medicamentos

Fraqueza que tende a causar primeiro dificuldade em se levantar ou erguer os braços para cima

Uso de um medicamento que pode causar dano muscular (como a estatina)

Quando devido ao uso de álcool ou outros medicamentos específicos, dores musculares

Exame médico

Interromper qualquer medicamento que possa causar o mau funcionamento muscular

Às vezes, eletromiografia

Exames de sangue para medir os níveis de enzimas musculares que vazam do músculo danificado no sangue

Infecções virais que causam inflamação muscular

Dores musculares pioradas pelo movimento, especialmente ao caminhar

Às vezes, febre, coriza, tosse, dor de garganta e/ou fadiga

Às vezes, somente um exame médico

Às vezes, exames de sangue que medem a extensão do dano muscular

Biópsia muscular (remoção de uma parte de tecido muscular para análise sob um microscópio)

Quadros clínicos que causam desgaste muscular generalizado:

Perda de tecido muscular

Em pessoas com evidências óbvias do problema

Exame médico

Anormalidades de eletrólitos devido a determinadas doenças ou uso de diuréticos:

Fraqueza que

  • Afeta todo o corpo

  • Pode ir e vir

  • Muitas vezes é acompanhado por cãibras e tremores musculares

Exame de sangue para medir o nível do potássio e outros eletrólitos

(como distrofia muscular de Duchenne e distrofia muscular do cíngulo dos membros)

Fraqueza muscular progressiva que

  • Pode começar durante a infância ou em idade adulta

  • Dependendo do tipo, pode progredir rapidamente, causando morte precoce

Em alguns tipos, coluna anormalmente curvada (escoliose) e fraqueza dos músculos espinhais, que muitas vezes desenvolve-se durante a infância

Histórico de família completo para determinar se algum parente já teve um problema semelhante

Exames genéticos

Biópsia muscular

Radiografia da coluna para verificar a escoliose

*As características incluem sintomas e resultados do exame médico. As características mencionadas são típicas, mas nem sempre estão presentes.

Os sintomas variam dependendo do local (nível) do dano. As áreas atendidas pelas partes da medula espinhal abaixo da parte lesionada são afetadas (consulte a figura Onde a medula espinhal está lesionada?).

Nos Estados Unidos, uma RM está geralmente disponível. No entanto, se a RM não estiver disponível, uma mielografia com TC (radiografia realizada após um agente de contraste radiopaco ser injetado via punção lombar) pode ser realizada.

§Em geral, a sensibilidade não é afetada.

TC = tomografia computadorizada; RM = imagem por ressonância magnética.