Manual MSD

Please confirm that you are not located inside the Russian Federation

honeypot link
Mais sobre as causas da anemia

Mais sobre as causas da anemia

Causa

Mecanismo

Tratamento

Comentários

Um baço aumentado captura e destrói glóbulos vermelhos anormais.

O distúrbio que causou a esplenomegalia é tratado.

Às vezes, o baço precisa ser removido cirurgicamente.

Baços extremamente grandes causam dor abdominal e uma sensação de inchaço abdominal após a ingestão de uma pequena quantidade de alimento.

Geralmente, a esplenomegalia captura também plaquetas e glóbulos brancos e reduz, assim, o seu número na corrente sanguínea.

Dano mecânico aos glóbulos vermelhos

Anomalias nos vasos sanguíneos (como um aneurisma) e uma válvula cardíaca artificial ou danificada podem romper glóbulos vermelhos normais.

A causa do dano é identificada e corrigida.

Os glóbulos vermelhos são destruídos nos vasos sanguíneos.

O sistema imunológico destrói os glóbulos vermelhos.

A hemoglobina dessas células danificadas é concentrada na urina durante a noite, o que resulta em uma urina de cor vermelha escura de manhã.

Eculizumabe, um medicamento que bloqueia o sistema do complemento, ajuda a aliviar os sintomas.

Pessoas com coágulos sanguíneos podem precisar tomar anticoagulantes.

Pessoas podem apresentar cólicas estomacais intensas e coágulos nas grandes veias do abdômen e das pernas.

Os sintomas ocorrem geralmente em episódios (de maneira paroxística).

Esferocitose hereditária

Os glóbulos vermelhos se tornam deformados e rígidos e são capturados e destruídos no baço.

Em geral, não é necessário tratamento, mas a anemia grave pode exigir remoção do baço.

Esse distúrbio hereditário pode causar também anomalias ósseas, tais como crânio em forma de torre.

Às vezes, esse distúrbio pode causar cálculos biliares.

Eliptocitose hereditária

Os glóbulos vermelhos assumem um formato oval ou elíptico em vez do formato de disco normal.

Anemia grave pode exigir remoção do baço.

A anemia é em geral leve e não exige tratamento.

Anomalias enzimáticas dos glóbulos vermelhos

Deficiência de glicose-6-fosfato desidrogenase (G6PD): A enzima G6PD está ausente nas membranas dos glóbulos vermelhos, tornando-os mais frágeis.

A deficiência de piruvato quinase (PK), normalmente presente no nascimento (congênita), também torna os glóbulos vermelhos mais frágeis.

Nos casos de deficiência de G6PD, a anemia pode ser prevenida evitando-se coisas que podem desencadeá-la, como drogas.

Nos casos de deficiência de PK, algumas pessoas podem se beneficiar da remoção do baço.

A deficiência de G6PD é um distúrbio hereditário que normalmente afeta mais o sexo masculino.

Cerca de 10% dos homens negros e um percentual menor das pessoas brancas de origem mediterrânea têm deficiência de G6PD.

A deficiência de piruvato quinase é rara.

Outras anormalidades da membrana dos glóbulos vermelhos

estomatocitose (em que a membrana celular tem uma “fenda” anormal), que pode ser hereditária ou pode se desenvolver durante a vida (adquirida), ou em casos raros de baixos níveis de fosfato no sangue.

Para estomatocitose adquirida, evitar fatores desencadeantes (como o álcool)

Para estomatocitose hereditária, às vezes a remoção do baço

Para pessoas com baixos níveis de fósforo no sangue, suplementos de fosfato

A anemia é em geral leve e não exige tratamento.