Manual MSD

Please confirm that you are not located inside the Russian Federation

honeypot link

Ciclosporíase

Por

Richard D. Pearson

, MD, University of Virginia School of Medicine

Última revisão/alteração completa mai 2020| Última modificação do conteúdo mai 2020
Clique aqui para a versão para profissionais
Recursos do assunto

Ciclosporíase é uma infecção do intestino delgado causada pelo parasita Cyclospora cayetanensis. Os principais sintomas são diarreia aquosa acompanhada de cólicas abdominais e náusea.

  • As pessoas podem contrair a infecção por Cyclospora ao consumir alimentos importados ou água contaminada com o parasita.

  • Os sintomas de ciclosporíase podem ser mais graves em pessoas com o sistema imunológico enfraquecido, como é o caso de pessoas com AIDS.

  • Os sintomas variam, mas incluem diarreia aquosa, cólicas abdominais, febre e perda de peso.

  • Os médicos fazem o diagnóstico da infecção através da identificação de Cyclospora em uma amostra de fezes.

  • Utiliza-se trimetoprima/sulfametoxazol (TMP/SMX) para tratar a ciclosporíase.

A ciclosporíase é mais comum em climas tropicais e subtropicais onde as condições sanitárias forem impróprias. Residentes e viajantes para áreas endêmicas estão em risco. Nos Estados Unidos, os surtos desta infecção têm sido atribuídos à importação de produtos frescos, como framboesas, manjericão, ervilhas forrageiras, alface misto e coentro.

Sintomas

O principal sintoma de ciclosporíase é a diarreia aquosa súbita, não sanguinolenta, e náuseas. Outros sintomas incluem febre, cólicas abdominais, vômitos, fadiga e perda de peso. Os sintomas em pessoas com o sistema imunológico normal perduram de alguns dias até um mês ou mais. Podem ocorrer recaídas.

Em pessoas com o sistema imunológico enfraquecido, incluindo pessoas com AIDS, a ciclosporíase pode causar diarreia grave que pode persistir por um longo período.

Diagnóstico

  • Exames de fezes

Para diagnosticar ciclosporíase, uma amostra de fezes é examinada ao microscópio para a detecção de ovos de Cyclospora. Podem ser utilizadas técnicas especializadas para aumentar as chances de identificar os ovos. Há técnicas moleculares disponíveis em alguns laboratórios de referência para a identificação de DNA do parasita.

Quando o exame de fezes não revelar uma causa de diarreia persistente, os médicos podem usar um tubo de visualização flexível (endoscópio) para examinar a parte superior do trato digestivo e obter uma amostra de tecido (biópsia) para ser examinada ao microscópio e analisada para a detecção de DNA do parasita.

Prevenção

Quando são relatados surtos, as pessoas devem evitar se alimentar de frutas, verduras ou legumes potencialmente contaminados da região. Ao viajar para áreas tropicais e subtropicais em que a infecção é comum, as pessoas devem evitar comer alimentos não cozidos, incluindo saladas, legumes e verduras, e devem evitar consumir água e gelo potencialmente contaminados. É importante lavar as mãos com água e sabonete. Beber água fervida é seguro. Filtrar a água através de um filtro de 0,1 ou 0,4 mícron pode remover cistos de Cyclospora e outros parasitas, bem como bactérias que causam doenças.

Tratamento

  • Trimetoprima/sulfametoxazol (TMP/SMX)

As pessoas infectadas que apresentam sintomas podem ser tratadas com trimetoprima/sulfametoxazol (TMP/SMX) tomada por via oral.

Em pessoas com AIDS, é muito importante que a infecção por HIV seja tratada da forma mais eficaz possível com medicamentos antirretrovirais. Esse tratamento pode fortalecer o sistema imunológico enfraquecido, o que geralmente ajuda a controlar a diarreia e outros sintomas. As pessoas com AIDS podem se beneficiar de uma dose mais elevada de TMP/SMX e de um ciclo de tratamento mais longo.

OBS.: Esta é a versão para o consumidor. MÉDICOS: Clique aqui para a versão para profissionais
Clique aqui para a versão para profissionais

OUTROS TÓPICOS NESTE CAPÍTULO

Infecções parasitárias: Protozoários intestinais e microsporídios
Baixe o aplicativo  do Manual MSD! ANDROID iOS
Baixe o aplicativo  do Manual MSD! ANDROID iOS
Baixe o aplicativo  do Manual MSD! ANDROID iOS

Teste os seus conhecimentos

Coccidioidomicose
Qual dos medicamentos a seguir é usado para tratar casos graves de coccidioidomicose progressiva?
Baixe o aplicativo  do Manual MSD! ANDROID iOS
Baixe o aplicativo  do Manual MSD! ANDROID iOS
Baixe o aplicativo  do Manual MSD! ANDROID iOS

Também de interesse

Baixe o aplicativo  do Manual MSD! ANDROID iOS
Baixe o aplicativo  do Manual MSD! ANDROID iOS
Baixe o aplicativo  do Manual MSD! ANDROID iOS
PRINCIPAIS