Manual MSD

Please confirm that you are not located inside the Russian Federation

honeypot link

Carbapenéns

Por

Brian J. Werth

, PharmD, University of Washington School of Pharmacy

Última revisão/alteração completa jul 2020| Última modificação do conteúdo jul 2020
Clique aqui para a versão para profissionais
Recursos do assunto

Carbapenéns compreendem uma subclasse de antibióticos denominados antibióticos betalactâmicos (antibióticos que têm uma estrutura química chamada anel betalactâmico). Os antibióticos betalactâmicos também incluem as cefalosporinas, os monobactans e as penicilinas.

Os carbapenéns são antibióticos de largo espectro. Isso significa que eles são eficazes contra muitos tipos de bactérias, incluindo bactérias que são resistentes a muitos outros antibióticos.

Os carbapenéns incluem:

  • Doripeném

  • Ertapeném

  • Imipenem

  • Meropeném

Os carbapenéns devem ser administrados por injeção. Eles são utilizados frequentemente com aminoglicosídeos para tratar algumas infecções, pois o uso deles em conjunto intensifica a eficácia de ambos os antibióticos.

Imipeném é sempre administrado em combinação com outros fármacos cilastatina e, às vezes, também relebactam. Cilastatina e relebactam não são antibióticos. Eles ajudam a prolongar o efeito do imipeném protegendo-o contra a degradação.

Algumas bactérias têm uma capa externa (parede celular) que as protege. Da mesma forma que outros antibióticos betalactâmicos, os carbapenéns agem impedindo que as bactérias formem essa parede celular, o que resulta em morte das bactérias.

Em casos raros, como os carbapenéms são estruturalmente semelhantes às penicilinas, as pessoas que têm uma reação alérgica a penicilinas têm uma reação alérgica aos carbapenéns.

Tabela
icon

Carbapenems

Medicamento

Usos comuns

Alguns efeitos colaterais

Doripeném

Ertapeném

Imipeném cilastatina

Imipeném-cilastatina-relebactam

Meropeném

Meropeném-vaborbactam

Infecções urinárias e abdominais

Infecções devido a bactérias suscetíveis resistentes a outros antibióticos

Excepcionalmente, convulsões (risco ligeiramente maior com imipiném)

Confusão

Raramente, uma reação alérgica em pessoas alérgicas à penicilina

Uso de carbapenéns durante a gravidez e a amamentação

Quando os carbapenéns foram administrados a animais prenhes, não se observaram efeitos prejudiciais no feto. No entanto, os carbapenéns não foram testados em mulheres grávidas. (Consulte também Uso de medicamentos durante a gravidez).

Os carbapenéns são excretados no leite materno e podem afetar o equilíbrio das bactérias normais do trato digestivo do bebê. (Consulte também Utilização de medicamentos durante a amamentação).

OBS.: Esta é a versão para o consumidor. MÉDICOS: Clique aqui para a versão para profissionais
Clique aqui para a versão para profissionais
Obtenha o

Também de interesse

Baixe o aplicativo  do Manual MSD! ANDROID iOS
Baixe o aplicativo  do Manual MSD! ANDROID iOS
Baixe o aplicativo  do Manual MSD! ANDROID iOS
PRINCIPAIS