Manual MSD

Please confirm that you are not located inside the Russian Federation

Carregando

Considerações gerais sobre infecções no cérebro

Por

John E. Greenlee

, MD, University of Utah School of Medicine

Última revisão/alteração completa mar 2019| Última modificação do conteúdo mar 2019
Clique aqui para a versão para profissionais
Fatos rápidos
OBS.: Esta é a versão para o consumidor. MÉDICOS: Clique aqui para a versão para profissionais
Clique aqui para a versão para profissionais

As infecções podem ser causadas por vírus, bactérias, fungos e, por vezes, protozoários ou parasitas. Outro grupo de doenças do cérebro, chamadas encefalopatias espongiformes, são causadas por proteínas anormais, chamadas príons.

As infecções do cérebro geralmente envolvem outras partes do sistema nervoso central, incluindo a medula espinhal. O cérebro e a medula espinhal geralmente têm resistência às infecções; porém, quando se infectam, as consequências costumam ser muito graves.

As infecções podem causar inflamação do cérebro (encefalite). Os vírus são as causas mais comuns de encefalite. As infecções também causam inflamações das camadas do tecido (meninges) que cobrem o cérebro e a medula espinhal – chamada meningite. Geralmente, a meningite bacteriana se espalha pelo próprio cérebro, causando a encefalite. De maneira semelhante, as infecções virais que causam encefalite geralmente causam também a meningite. Tecnicamente, quando o cérebro e as meninges estão infectados, a doença se chama meningoencefalite. Entretanto, a infecção que afeta principalmente as meninges geralmente é chamada de meningite e a que afeta principalmente o cérebro, encefalite.

Frequentemente, na encefalite e na meningite, a infecção não fica confinada a uma área. Pode ocorrer em todo o cérebro ou nas meninges, por todo o comprimento da medula espinhal e por todo o cérebro.

Mas, em algumas doenças, a infecção fica confinada a uma única área (localizada) como uma bolsa de pus, chamada empiema ou um abscesso, dependendo de sua localização:

  • Os empiemas se formam em um espaço existente no corpo, como aquele entre os tecidos que cobrem o cérebro (meninges) ou os pulmões.

  • Os abscessos, que parecem furúnculos, podem desenvolver-se em qualquer parte do corpo, incluindo o cérebro.

Fungos (como aspergilos), protozoários (como Toxoplasma gondii) e parasitas (como Taenia solium, a tênia dos porcos) podem causar a formação de cistos no cérebro. Essas infecções no cérebro localizadas consistem em um grupo de organismos fechados em uma parede de proteção.

Às vezes, uma infecção no cérebro, uma vacina, câncer ou outro distúrbio desencadeia uma reação imune enganosa, fazendo o sistema imunológico atacar células normais no cérebro (uma reação autoimune). Em consequência, o cérebro fica inflamado. Esta doença é chamada encefalite pós-infecciosa.

As bactérias e outros organismos infecciosos podem atingir o cérebro e as meninges de várias maneiras:

  • sendo transportados pelo sangue

  • entrando diretamente no cérebro desde o exterior (por exemplo: uma fratura no crânio ou durante uma cirurgia no cérebro).

  • disseminado a partir de estruturas próximas infectadas, como sinos ou ouvido médio.

OBS.: Esta é a versão para o consumidor. MÉDICOS: Clique aqui para a versão para profissionais
Clique aqui para a versão para profissionais
Obtenha o

Também de interesse

Vídeos

Visualizar tudo
Esclerose múltipla
Vídeo
Esclerose múltipla
O sistema nervoso central é formado por células nervosas, ou neurônios, no cérebro e na medula...
Modelos 3D
Visualizar tudo
Gânglios basais: Vista frontal
Modelo 3D
Gânglios basais: Vista frontal

MÍDIAS SOCIAIS

PRINCIPAIS