Manual MSD

Please confirm that you are not located inside the Russian Federation

honeypot link

Considerações gerais sobre doenças do movimento

Por

Hector A. Gonzalez-Usigli

, MD, HE UMAE Centro Médico Nacional de Occidente

Última revisão/alteração completa set 2020| Última modificação do conteúdo set 2020
Clique aqui para a versão para profissionais
Recursos do assunto

Cada movimento do corpo, desde levantar a mão até sorrir, implica em uma interação complexa entre o sistema nervoso central (cérebro e medula espinhal), os nervos e os músculos. Uma lesão ou a disfunção de qualquer desses componentes podem causar uma doença do movimento.

Podem ocorrer diferentes tipos de doenças do movimento, dependendo da natureza e localização da disfunção ou da lesão, como segue:

Os gânglios basais ajudam a iniciar e suavizar os movimentos voluntários dos músculos, suprimir os movimentos involuntários e coordenar alterações na postura.

O cerebelo coordena os movimentos do corpo, ajuda os membros a se moverem suave e precisamente e ajuda a manter o equilíbrio.

Localizando os gânglios basais

Os gânglios basais são conjuntos de células nervosas localizados profundamente no cérebro. Elas incluem as seguintes:

  • Núcleo caudado (uma estrutura em forma de C que se afunila em uma cauda fina)

  • Putâmen

  • Globo pálido (localizado próximo ao putâmen)

  • Núcleo subtalâmico

  • Substância negra

Os gânglios basais ajudam a suavizar os movimentos musculares e coordenam as mudanças de postura.

Localizando os gânglios basais

Classificação

A classificação das doenças do movimento muitas vezes ajuda os médicos a identificar a causa.

As doenças do movimento são normalmente classificadas como as que causam

  • Diminuição ou retardo do movimento

  • Aumento do movimento

A doença mais comum que diminui e/ou retarda o movimento é

Os distúrbios que aumentam o movimento incluem

Problemas de coordenação são, às vezes, classificados como distúrbios que aumentam o movimento. Eles são frequentemente causados por disfunção do cerebelo.

Em alguns distúrbios, há aumento bem como diminuição dos movimentos. Por exemplo, a doença de Parkinson causa tremores – aumento não intencional (involuntário) dos movimentos – e movimentos lentos intencionais (voluntários).

Os distúrbios que aumentam o movimento podem ser

  • Distúrbios rítmicos, que são, primariamente, tremores (muito embora os tremores sejam às vezes irregulares, como ocorre na distonia)

  • Distúrbios não rítmicos, que podem envolver movimentos lentos ou rápidos e/ou posição sustentada

Alguns movimentos rápidos, não rítmicos, como tiques Síndrome de Tourette e outros distúrbios de tique em crianças e adolescentes Tiques são movimentos involuntários rápidos, sem propósito, repetitivos, mas não rítmicos (tiques musculares ou motores) ou palavras e/ou sons involuntários... leia mais , podem ser temporariamente interrompidos (suprimidos). Outros, como o hemibalismo, coreia, mioclonia, podem ser difíceis de suprimir ou impossíveis de suprimir totalmente.

OBS.: Esta é a versão para o consumidor. MÉDICOS: Clique aqui para a versão para profissionais
Clique aqui para a versão para profissionais
Obtenha o

Também de interesse

Baixe o aplicativo  do Manual MSD! ANDROID iOS
Baixe o aplicativo  do Manual MSD! ANDROID iOS
Baixe o aplicativo  do Manual MSD! ANDROID iOS
PRINCIPAIS