honeypot link

Manual MSD

Please confirm that you are not located inside the Russian Federation

Doença de Freiberg

(Freiberg Infraction)

Por

Kendrick Alan Whitney

, DPM, Temple University School of Podiatric Medicine

Última revisão/alteração completa dez 2019| Última modificação do conteúdo dez 2019
Clique aqui para a versão para profissionais
Recursos do assunto

A doença de Freiberg é a morte do tecido (necrose) de partes dos ossos da planta do pé, geralmente próximo ao hálux (segunda cabeça do metatarso).

A doença de Freiberg é uma causa comum de dor na planta do pé (metatarsalgia). A causa é uma lesão ao osso. Este distúrbio geralmente ocorre em meninas que estão passando pela puberdade e que estão crescendo rapidamente ou em pessoas em quem o osso ligado à base do hálux (primeiro osso do metatarso) é curto ou o segundo osso do metatarso é longo. Em ambos os casos, a segunda cabeça do metatarso pode estar sujeita ao tensionamento repetitivo, tal como ao praticar-se dança, jogging ou corrida.

Sintomas

Geralmente a dor é pior ao sustentar o peso, especialmente ao erguer os pés ou ao utilizar sapatos de salto alto. A articulação pode ficar inchada e rígida.

Diagnóstico

  • Radiografias

Os médicos solicitam radiografias para confirmar o diagnóstico da doença de Freiberg.

Tratamento

  • Injeções de corticosteroide

  • Mudanças de calçados ou órteses

  • Cirurgia raramente

Para aliviar as crises de dor, os médicos podem injetar corticosteroides e dizer às pessoas para repousarem e não fazerem peso em seus pés.

Calçados de salto baixo, possivelmente aqueles com solas mais grossas que o habitual e saltos arredondados (chamados correções com sola convexa), ou palmilhas ou outros dispositivos inseridos nos calçados que alteram a posição ou a amplitude de movimento dos pés para aliviar a pressão sobre as articulações afetadas ou áreas doloridas (órteses) são úteis.

Raramente, os médicos podem cirurgicamente remover o segundo osso do metatarso para aliviar a dor que é difícil de lidar.

OBS.: Esta é a versão para o consumidor. MÉDICOS: Clique aqui para a versão para profissionais
Clique aqui para a versão para profissionais
Obtenha o

Também de interesse

MÍDIAS SOCIAIS

PRINCIPAIS