Manual MSD

Please confirm that you are not located inside the Russian Federation

Carregando

Partes da prótese

Por

Jan J. Stokosa

, CP, Stokosa Prosthetic Clinic

Última revisão/alteração completa dez 2019| Última modificação do conteúdo dez 2019
Clique aqui para a versão para profissionais
OBS.: Esta é a versão para o consumidor. MÉDICOS: Clique aqui para a versão para profissionais
Clique aqui para a versão para profissionais

Uma prótese de membro tem quatro partes principais:

  • Interface

  • Suspensão

  • Componentes estruturais

  • Componentes de aparência

Interface entre o membro residual (coto) e a prótese

A prótese se encaixa no corpo por contato direto com a pele ou por uma interface feita de vários materiais finos e acolchoados usada sobre o membro residual (coto).

Uma interface acolchoada com gel, usada sobre o membro residual, protege a pele e ajuda a igualar as pressões. Interfaces customizadas podem ser necessárias para cotos com contornos irregulares (devido, por exemplo, a cicatrizes profundas, ossos afiados ou queimaduras). Idealmente, as pessoas devem ter duas interfaces idênticas, para que possam alternar diariamente. Alternar a interface ajuda a manter sua elasticidade e formato por mais tempo. Em geral se recomenda que as interfaces sejam trocadas a cada seis meses e, no caso de pacientes muito ativos, a cada três a quatro meses.

Uma meia protética pode ser usada no lugar de uma interface de gel ou juntamente com ela. As meias são feitas de lã, náilon ou tecidos sintéticos, algumas vezes com gel entre as camadas de tecido. As meias estão disponíveis em diferentes espessuras (camadas). O tamanho do membro residual muda normalmente durante o dia como resultado das atividades, clima e outros fatores. Meias protéticas e almofadas especiais são usadas para lidar com essas alterações. Ao colocar uma ou mais meias de diferentes espessuras ou ao remover meias, a pessoa pode adequar o ajuste do soquete para torná-lo mais confortável à medida que o membro residual muda de tamanho durante o dia. Quando não for possível manter um encaixe confortável e estável com o uso de meias protéticas ou almofadas especiais, o protesista ortopédico (um especialista que projeta, adequa, fabrica e ajusta próteses) pode ajustar o soquete.

Suspensão

Suspensão se refere a como a prótese é fixada ao membro residual. Certos materiais da interface de gel são mais adequados para aplicações específicas de suspensão (como sucção, pino ou vácuo).

Os seguintes sistemas de suspensão são comumente usados:

  • Vácuo: Uma bomba de vácuo, elétrica ou mecânica, remove o ar do soquete. Esse é o método mais eficaz para fixar uma prótese no membro residual e também ajuda a estabilizar a quantidade de fluido no membro residual. Interfaces de gel de uretano são preferidas para esse tipo de suspensão.

  • Sucção passiva: Quando o membro residual é colocado no soquete, o ar é forçado para fora. Uma vedação acima impede a reentrada do ar, criando sucção. Uma válvula unidirecional pode ser incorporada na parte inferior do soquete para permitir a saída de ar.

  • Interface com um pino de travamento: Uma interface amortecedora que tem um pino de suspensão de aço inoxidável, ajustável e removível, na sua parte inferior, é inserida em um mecanismo de travamento na parte inferior do soquete de plástico. Para retirar a prótese, a pessoa pressiona um botão de liberação para desengatar o pino.

  • Anatômico: Protuberâncias nas extremidades dos ossos, como no joelho, tornozelo ou cotovelo, podem ser usadas para ajudar a manter o soquete fixado ao corpo.

  • Cintos e tiras: um cinto e/ou tiras podem ser usados para fixar a prótese se a pessoa não puder tolerar ou considerar o vácuo, sucção ou pino, sistemas muito difíceis.

Componentes estruturais de uma prótese de membro

Os componentes básicos de uma prótese incluem:

  • Soquete (receptáculo de plástico no qual o membro residual é contido)

  • Apêndice terminal (mão ou pé)

  • Articulação (pulso, cotovelo, ombro, tornozelo, joelho ou quadril)

  • Módulo de conexão que conecta o apêndice terminal e a articulação ao soquete

O soquete é o componente mais importante porque sustenta o corpo e transmite a pressão e as forças decorrentes do movimento ao membro residual.

Para membros inferiores, tornozelos e joelhos controlados por microprocessador podem fornecer maior segurança, estabilidade, menor gasto de energia e diminuição do estresse para as articulações próximas e a coluna vertebral.

Para membros superiores, próteses com controle body-powered necessitam de ombro e braço plenamente funcionantes para operar a alça que controla a mão protética ou gancho. Próteses mioelétricas do membro superior não necessitam de ombro e braço plenamente funcionantes e, em vez disso, usam estímulos elétricos naturais dos músculos da pessoa. Eletrodos no soquete detectam a atividade muscular e transmitem sinais que operam a mão, pulso e/ou cotovelo protéticos. Nenhum outro movimento do corpo é necessário.

A aparência de uma prótese de membro

Algumas pessoas querem que suas próteses tenham um aspecto anatomicamente natural. Técnicos aplicam e modelam material de espuma macia, igual em consistência ao músculo e tecido, sobre os componentes de plástico e metal. Esse material pode reduzir danos à roupa e pode ser moldado para parecer com o membro natural da pessoa.

Uma pele sintética pode ser aplicada sobre o formato anatômico usando uma cor que corresponda ao tom de pele da pessoa.

Algumas pessoas, especialmente atletas durante uma competição, preferem eliminar o formato anatômico e a pele e deixar os componentes de plástico e metal expostos. Isso reduz o peso e permite mais ajustes capazes de melhorar o desempenho.

OBS.: Esta é a versão para o consumidor. MÉDICOS: Clique aqui para a versão para profissionais
Clique aqui para a versão para profissionais
Obtenha o

Também de interesse

Vídeos

Visualizar tudo
Raios X
Vídeo
Raios X
A tecnologia de raios X utiliza raios de alta energia que podem atravessar certos tecidos...
Como proteger sua saúde enquanto viaja para o exterior
Vídeo
Como proteger sua saúde enquanto viaja para o exterior

MÍDIAS SOCIAIS

PRINCIPAIS