Manual MSD

Please confirm that you are not located inside the Russian Federation

Carregando

Incapacidade de urinar devido à hospitalização

Por

Oren Traub

, MD, PhD, Pacific Medical Centers

Última revisão/alteração completa mar 2018| Última modificação do conteúdo mar 2018
Clique aqui para a versão para profissionais
OBS.: Esta é a versão para o consumidor. MÉDICOS: Clique aqui para a versão para profissionais
Clique aqui para a versão para profissionais

O paciente internado pode se tornar incapaz de esvaziar completamente a bexiga ou se tornar totalmente incapaz de urinar. Esse problema, chamado retenção urinária, pode ocorrer porque as pessoas

  • Estão com dor após cirurgia

  • Estão utilizando medicamentos que causam retenção urinária

  • Precisam estar acamados por longos períodos (repouso no leito)

A retenção urinária ocorre com mais frequência em homens com mais de 50 anos devido ao aumento da próstata (hiperplasia prostática benigna), que interfere com a micção, sendo mais frequente conforme a idade aumenta em homens, especialmente após os 50 anos de idade.

A retenção urinária pode aumentar o risco de desenvolvimento de infecção do trato urinário e pode causar problemas renais.

Prevenção de retenção urinária no hospital

Os membros da equipe do hospital tentam identificar as pessoas que estão em risco de desenvolver retenção urinária para que possam adotar medidas para preveni-la. Geralmente, o risco está aumentado em idosos e em pessoas que apresentam ou apresentaram certos distúrbios, incluindo aumento da próstata, incontinência urinária, constipação grave ou distúrbios que afetam os nervos envolvidos na micção (como um acidente vascular cerebral, lesão da medula espinhal ou tumor).

Se houver risco de retenção urinária, os membros da equipe podem realizar as seguintes atividades:

  • Definir um cronograma para micção, em que um membro da equipe comparece em intervalos de algumas horas para lembrar as pessoas que devem urinar

  • Prestar auxílio necessário para irem ao banheiro e/ou fornecer cadeira sanitária ou comadre

  • Realizar exames (como ultrassonografia da bexiga) para determinar se as pessoas estão retendo urina

  • Revisar os medicamentos que as pessoas estão utilizando para verificar se algum deles está causando ou contribuindo para a retenção urinária

  • Encorajar as pessoas a saírem da cama e caminharem sempre que possível

Para evitar retenção urinária, as pessoas devem ir ao banheiro quando sentirem vontade de urinar. Ao urinar, as pessoas devem esperar para esvaziar completamente sua bexiga.

Se as pessoas não conseguirem urinar ou estiverem retendo uma grande quantidade de urina, um membro da equipe do hospital pode inserir um tubo flexível (cateter) por meio da uretra e na bexiga para drenar a urina. Uma vez que esse cateter pode aumentar o risco de desenvolvimento de infecção do trato urinário, ele é removido o mais rápido possível. Se o problema persistir, as pessoas recebem alta do hospital com o cateter ainda presente na bexiga e são encaminhados para uma consulta com um urologista para avaliação e tratamento.

OBS.: Esta é a versão para o consumidor. MÉDICOS: Clique aqui para a versão para profissionais
Clique aqui para a versão para profissionais
Obtenha o

Também de interesse

Vídeos

Visualizar tudo
Raios X
Vídeo
Raios X
A tecnologia de raios X utiliza raios de alta energia que podem atravessar certos tecidos...
Angiografia cerebral: Inserção de cateter
Vídeo
Angiografia cerebral: Inserção de cateter
A angiografia é utilizada para obter informações diagnósticas sobre os vasos sanguíneos que...

MÍDIAS SOCIAIS

PRINCIPAIS