Manual MSD

Please confirm that you are a health care professional

honeypot link

Molibdênio

Por

Larry E. Johnson

, MD, PhD, University of Arkansas for Medical Sciences

Última modificação do conteúdo out 2018
Clique aqui para acessar Educação para o paciente

O molibdênio (Mo) é um componente de coenzimas necessário para a atividade de xantina oxidase, sulfeto oxidase e aldeído oxidase.

Deficiências genéticas e nutricionais de molibdênio têm sido registradas, mas são raras. A deficiência genética de sulfeto oxidase foi descrita em 1967 em uma criança. Resultou da incapacidade para formar a coenzima molibdênio, apesar da presença de molibdênio adequado. A deficiência causou incapacidade intelectual, convulsões, opistótono e deslocamento do cristalino.

Deficiência de molibdênio resultando em toxicidade por sulfeto ocorreu em um paciente com NPT a longo termo. Os sintomas foram taquicardia, taquipneia, cefaleia, náuseas, vômito e coma. Exames laboratoriais mostraram altos níveis de sulfeto e xantina e baixos níveis de sulfato e ácido úrico no sangue e na urina. Doses de 300 mcg/dia de molibdato de amônio IV resultaram em ótima recuperação.

Um caso de toxicidade de molibdênio pode ter ocorrido em 1961; causou sintomas parecidos com gota e anormalidades no trato gastrointestinal, no fígado e nos rins.

Clique aqui para acessar Educação para o paciente
OBS.: Esta é a versão para profissionais. CONSUMIDORES: Clique aqui para a versão para a família
Profissionais também leram

Também de interesse

MÍDIAS SOCIAIS

PRINCIPAIS