Manual MSD

Please confirm that you are not located inside the Russian Federation

honeypot link

Ejaculação retrógrada

Por

Irvin H. Hirsch

, MD, Sidney Kimmel Medical College of Thomas Jefferson University

Última revisão/alteração completa jul 2020| Última modificação do conteúdo jul 2020
Clique aqui para a versão para profissionais

A ejaculação retrógrada é um quadro clínico no qual o sêmen é ejaculado para trás na bexiga ao invés de sair através do pênis

Na ejaculação retrógrada, a parte da bexiga que normalmente fecha durante a ejaculação (o colo da bexiga) permanece aberta, fazendo com que o sêmen vá para trás para a bexiga. Uma das causas mais comuns é a cirurgia de próstata devido ao aumento não canceroso da próstata. Outras causas comuns de ejaculação retrógrada incluem diabetes Diabetes mellitus (DM) O diabetes mellitus é uma doença na qual o organismo não produz uma quantidade suficiente de insulina ou não responde normalmente à insulina, fazendo com que o nível de açúcar (glicose) no sangue... leia mais , lesões na medula espinhal Considerações gerais sobre doenças da medula espinhal Os distúrbios da medula espinhal podem causar problemas graves permanentes, como paralisia ou perda de controle da bexiga e do intestino (incontinência urinária e incontinência fecal). Às vezes... leia mais , certos medicamentos e algumas operações cirúrgicas (incluindo cirurgia abdominal ou pélvica de grande porte).

Homens com ejaculação retrógrada ainda podem ter orgasmos. No entanto, a ejaculação retrógrada diminui a quantidade de sêmen ejaculada para fora do pênis. Às vezes, não sai sêmen. O quadro clínico pode causar infertilidade, mas não é prejudicial.

O médico faz o diagnóstico de ejaculação retrógrada se encontrar uma grande quantidade de sêmen na amostra de urina coletada logo após a ejaculação.

Tratamento da ejaculação retrógrada

  • Medicamentos

Os homens geralmente não necessitam de tratamento, a menos que a infertilidade seja uma preocupação. Cerca de um terço dos homens com ejaculação retrógrada melhora após o tratamento com medicamentos que fecham o colo da bexiga (tais como a pseudoefedrina ou imipramina). Contudo, os homens que utilizam estes medicamentos devem monitorar a frequência cardíaca e a pressão arterial, que devem ser medidas periodicamente pelo médico. A utilização destes medicamentos se limita aos homens que estão procurando obter fertilidade.

Você sabia que...

  • A inseminação artificial pode ser possível se a infertilidade for causada pela ejaculação retrógrada ou pela incapacidade de ejacular.

OBS.: Esta é a versão para o consumidor. MÉDICOS: Clique aqui para a versão para profissionais
Clique aqui para a versão para profissionais
Obtenha o
Baixe o aplicativo  do Manual MSD! ANDROID iOS
Baixe o aplicativo  do Manual MSD! ANDROID iOS
Baixe o aplicativo  do Manual MSD! ANDROID iOS
Teste os seus conhecimentos
Epididimite e orquiepididimite
Epididimite é a inflamação do epidídimo (o tubo em espiral acima dos testículos). Orquiepididimite é a inflamação tanto do epidídimo quanto dos testículos. A epididimite e a orquiepididimite são em geral causadas por qual das opções a seguir?
Baixe o aplicativo  do Manual MSD! ANDROID iOS
Baixe o aplicativo  do Manual MSD! ANDROID iOS
Baixe o aplicativo  do Manual MSD! ANDROID iOS

Também de interesse

Baixe o aplicativo  do Manual MSD! ANDROID iOS
Baixe o aplicativo  do Manual MSD! ANDROID iOS
Baixe o aplicativo  do Manual MSD! ANDROID iOS
PRINCIPAIS